Last First Kiss

Okay, o que falar da Carol? Provavelmente a pessoa mais complicada e confusa que exista no universo. Sua vida é uma bagunça, não tem nada que ela olhe e diga "isso está certo". Por que obviamente, se não consegue nem botar os pensamentos em ordem, imagina sua vida. Zayn, Liam, Louis , Niall e Harry , são esses seres que dai sentido a vida da garota. Ela faz de tudo por eles, assim como eles a amam como a irmã mais nova...

39Likes
83Comentários
15033Views
AA

20. show ( amor de fã)

Carol's pov

Liam estava bravo com o niall, isso porque ele foi um dos primeiros a topar jogar. Enfim, hoje era o nosso ultimo dia em NY antes do show, e iríamos a um parque de diversões.

-não Carol. Essa blusa não.- niall falou se referindo a regata preta que deixava minha barriga a mostra, com "aloha" estampado.

-essa blusa sim- respondi- estão quase 36 graus lá fora.

-foda se, você vai por uma camisa normal.- ele disse cruzando os bracos.

-não eu não vou. - falei e imitei ele cruzando os braços.

-cacete. Vocês são o casal mais chato que existe- liam falou entrando no quarto.

-vai se foder liam.- niall falou vestindo sua camisa comprida da element.

-se for com a Carol, eu aceito- ele falou provocando.

-vão os dois tomarem no cu- falei- vou com essa roupa e pronto.

-ótimo, então vamos. Já estão la em baixo nos esperando.

Lari estava com uma blusa bem decotada que eu tinha escolhido. E um short. Os meninos estavam quase vestidos iguais, jeans e camisas de marca.

O parque de diversões era simplesmente gigante. Tinham várias montanhas russas e brinquedos do tipo, como eu tinha medo de altura preferi ficar nas barraquinhas e coisas do tipo, com o liam que dividia o medo comigo. Lari e niall eram bem mais "radicais" que a gente, então foram juntos nos brinquedos pseudo assassinos.

-liam, a gente vai naquela casa do terror.-falei animada.

-vai o cacete- ele falou- esses negócios são ridículos.

-se são tão ridículos, você vai- falei e ele assentiu, vencido.

Fomos até a pequena fila que tinha do lado de fora e aguardamos enquanto ouvíamos gritos histéricos.

-preciso de um grupo de 5 pessoas- o homem vestido de morte disse tenebrosamente.

- A GENTE- exclamei e vi todos da fila me olharem estranho, por estar animada com esse tipo de coisa.

-ótimo.- o funcionário disse e juntou mais três pessoas com a gente pra entrarmos

Liam segurou minha mao e pude sentir que ele tinha mais medo que eu.

-calma liam, são só atores.- falei entrando primeiro, ja que os outros não se moviam.

O primeiro cenário era um cemitério cheio de caixões abertos, e podíamos ver os "corpos" se decomporem ali, logo um dos caixões se abriu e um "zumbi" pulou de lá fazendo todo mundo gritar, inclusive liam. Eu nem me mexi. Ele começou a correr atrás da gente e eu fui na onda de todo mundo. Liam apertou minha mão muito forte quando mudamos pra um cenário onde a menina do exorcista estava sentada em sua cama.

-puta.que.pariu.- ele sussurrou no meu ouvido e eu ri.

Por algum motivo, eu não estava assustada. Puxei liam e nós afastamos ao máximo da cama dela, passando colados na parede. Ele estava desesperado, era muito engraçado.

Passamos por mais alguns cenários, muito bem feitos e a porta de abriu bem rápido, liam me soltou e correu pra fora sem nem olhar pra trás.

Encontrei ele sem fôlego parado na frente de uma barraca de algodão doce, aproveitei pra comprar um.

-eu te odeio Carol, na boa- ele disse quase vomitando.

-ui. Relaxa, era só...

-ficção, eu sei - ele me completou.

Liam era todo forte, mas era medroso.

Niall'a pov

Lari era muito divertida, quase hiperativa. E apenas isso fazia ela não ser meu tipo de garota. E também não tinha as coxas tão grossas quanto Carol. Ta. Deu pra entender.

Fomos em todas as montanhas russas do parque, quase vomitei em três delas. Harry estava quase engolindo uma garota num canto e louis estava de maos dadas com uma ruiva magrela, nem um pouco meu tipo.

-niall olha, eles estão ali.- lari falou apontando pra liam e Carol que riam juntos, ah e um detalhe que odiar liam um pouco mais, é que ela estava muito, mas muito próxima dele.

-oi- falei dando um selinho na Carol- vamos dar uma volta juntos.

Carol sorriu fofamente e se despediu do casal, me dando a mão.

-o que quer fazer?- ela perguntou beijando meu pescoço.

-beijar você- falei e agarrei cintura, a encostando na parede de madeira de uma barraca que estava sem uso.

Ela estava com um gosto de algodão doce na boca, e ela me beijava com desejo, eu retribuía da mesma forma.

- ei calma- ela disse quando coloquei a mao em seu peito, por baixo da blusa.- continuamos num lugar público amor.

-então vamos pro hotel. Nem vamos avisa-los. Podemos usar a banheira- falei animado.

Ela riu mas aceitou. Saímos do parque, pegamos um taxi e voltamos pro quarto, agora impecável novamente. Carol foi ate o banheiro e ligou a banheira que logo se encheu, ficou cheia de espuma. Carol tirou a roupa e entrou lá delicadamente.

-gostosa.- deixei escapar e ela riu.

-para com isso. Entra logo.

A água estava ótima, Carol estava sentada na minha frente , com água até o pescoço.

-você é linda- falei.

- você é muito gato.- ela disse e arranhou minha perna com as unhas.

-miau- falei e ela me deu um tapa no ombro.

-eu vou deitar. Te espero lá.- Carol falou se levantando lentamente e se secando levemente.

Esperei um pouco e fiz o mesmo, quando sai do banheiro vi ela deitada de bruços, me dando perfeita visão da sua bunda totalmente descoberta. Andei até ela e depositei um tapa de leve em sua bunda.

-aí- ela exclamou se virando pra cima, deitei por cima dela e começamos um beijo.

Com uma mão eu segurava seu pescoço e com a outra eu apertava sua bunda. Foi uma das melhores transas que tivemos, ficamos deitados dizendo palavras a toa até que deixei escapar um "eu te amo", ela sorriu e disse que me amava também. Era bom ter alguém como ela por perto, ficamos nessa até que liam e lari entraram no quarto.

- AÍ MEU DEUS- lari gritou- COLOQUEM ROUPAS

Liam fechou os olhos dela com as mãos e os dele normalmente.

Apenas Puxei o cobertor por cima de nós dois.

-pronto- Carol falou rindo

-ui. Que nojo- liam falou rindo também.

Lari's pov

Tomei meu banho e me deitei na cama, esperando liam que tinha acabado de entrar no banheiro. Carol dormia enquanto niall passava a mão em seus longos cabelos e sorria. Eles eram muito fofos juntos.

-lari, já dormiu?-liam perguntou ao se deitar comigo.

-ainda não.- respondi

-ótimo, assim podemos falar sobre arctic monkeys.

Eu ri e começamos a conversar, nem lembro quando eu dormi.

Acordei com a Carol pulando na nossa cama, ela se desequilibrou e caiu no liam. Foi um acidente eu sei, mas fiquei com ciúmes, e depois de saber que eles já tinham transado eu tinha mais ciúmes ainda.

-que Porra foi....-liam disse encarando Carol que estava em cima dele.

-O SHOW LIAM. É HOJE.- ela gritou e ele pulou da cama segurando a Carol.

-É HOJE, AÍ MEU DEUS VAI TODO MUNDO SE ARRUMAR, QUERO FICAR PERTO DO PALCO.

Fomos forçados a nos vestir rápido, coloquei uma calça e uma camiseta normal, eu ia ficar 4 horas pulando no show, não tinha pra que me arrumar tanto. Já Carol não pensava assim, vestiu uma blusa branca que ela mesma tinha feito, onde estava escrito "Arctic Monkeys" em negrito e o famoso short jeans.

Liam vestiu uma camisa da banda, com a capa do ultimo cd deles. Eram 8 da manhã quando chegamos na arena em que aconteceria o show, e já tinha um número grande de pessoas lá.

-liam, eu não consigo acreditar-Carol falou e deu vários pulos.

-nem eu.- ele disse e riu.

-vamos ficar mesmo 11 horas de pe aqui? -Louis falou e bufou

-vamos- niall respondeu- mas vai ser legal.

- se eu tivesse alguém pra pegar, seria legal também Niall- Harry falou e encarou Carol.

-ta cheio de meninas aqui Harry - falei- pega alguma daqui.

Ele assentiu e começou a passar os olhos pelas pessoas da fila. Parou quando viu uma garota loira e cheia de curvas.

-pronto, alvo escolhido.

-tomara que ela te de um pé na bunda-Liam falou fazendo todos rirem.

Basicamente, o dia foi divertido: rimos das piadas da Carol e do Liam ( o que me incomodou um pouco), Harry acabou pegando a loira e mais umas 5 da fila, Carol e Niall se pegaram ( se comeram em público), pedimos pizza como almoço e lanche, e a fila continuava aumentando.

Liam e eu ficamos algumas vezes, também conversamos bastante, estávamos muito próximos e eu estava muito feliz por estar com ele.

-o show começa em uma hora, mas já vamos liberar a entrada de vocês em grupos.- um segurança anunciou.

Carol e Liam deram um grito emocionado e pegaram as mochilas do chão, e todos nós, meros mortais, fizemos o mesmo. Fizemos parte do primeiro grupo a entrar.

Carol's pov

Eu estava muito animada, fomos o primeiro grupo a entrar, e correndo pra perto do palco, na "esquina" do palco com a passarela. Era um dos melhores lugares, eu estava totalmente eufórica.

- droga, eu estou perto de mais, não consigo ver direito.- resmunguei pra mim mesma e lari riu.

-quem manda ser minúscula-ela disse, de brincadeira olhei brava pra ela.

-você é praticamente do meu tamanho palhaça.- falei e ela assentiu rindo.

Logo vimos a quantidade de pessoas atrás de nós, e me assustei. Eram muitas pessoas, completamente anciosas, não se diferenciavam nada de mim.

Estávamos conversando, quando ouvi todo mundo gritar, me virei pro palco e a música tinha começado bem alta.

Comecei a gritar e pular. E então eles entraram no palco. Meu coração acelerou descontroladamente, eu não sentia minhas pernas. Eu não entendia o que era esse amor de fã, eu achava que sabia tudo sobre a vida deles, mas eu não os conhecia, nem um pouco. Como eles comiam, como agiam perto dos amigos, quando não tinham câmeras perto. Isso eu não sabia, mas os amava mesmo assim, mesmo sabendo que o meu nome não era importante pra eles e tanto fazia eu estar ali ou não. Mas pra mim era a melhor que coisa que podia acontecer eu estava lá, perto deles, e isso já me fazia feliz. Niall me cutucou e me colocou em suas costas, eu acompanhava a música e sorria sem parar. Então ele olhou pra mim, Alex tinha olhado pra mim e dado um sorriso, enquanto cantava. Dei um grito histérico que se misturou com o das outras pessoas. Ele me viu e ele sabia que eu estava ali, mesmo não sabendo que eu era, ele me viu. O show foi perfeito, eles já tinham se despedido e agora estávamos esperando a maioria das pessoas saírem pra podermos ir. Eram 00:30 quando saímos de lá. Eu estava acabada de cansaço, mas eu faria tudo de novo pra vê-los e acho que a única pessoa que me entendia era o Liam. Que estava estático igual a mim, não acreditando que tínhamos estado lá.

- eu não vou dormir hoje. Não vou conseguir.- falei enquanto andávamos calmamente pela arena, indo pra saída.

-nem eu- Liam falou e sorriu

-fiquei surdo- Niall disse- e to com sede.

-vamos ir em algum pub- Lari sugeriu.

-vamos- Harry disse se despedir da tal loira.

Andamos até um pub de aparência rústica, muito agradável. E tinha Karaoke lá. Perfeito.

Eu e Harry fomos até lá e pedimos uma música, "stay high". Harry cantava muito bem, sua voz era muito agradável de se ouvir, e ele alcançava notas quase impossíveis de acreditar.

Quando a música acabou todos do pub aplaudiram. Nos sentamos e logo bebi alguns copos de cerveja.

-Zayn ia ter adorado esse lugar- falei sem pensar e todos ficaram em silêncio.- ele ia ter adorado o show também.

Ninguém falou nada por um tempo até que Harry caiu da cadeira de tão bêbado e eu comecei a rir, muito mesmo. E todos riram também, logo estavam conversando normalmente, eu estava bêbada e cansada, acabei dormindo na mesa.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...