Last First Kiss

Okay, o que falar da Carol? Provavelmente a pessoa mais complicada e confusa que exista no universo. Sua vida é uma bagunça, não tem nada que ela olhe e diga "isso está certo". Por que obviamente, se não consegue nem botar os pensamentos em ordem, imagina sua vida. Zayn, Liam, Louis , Niall e Harry , são esses seres que dai sentido a vida da garota. Ela faz de tudo por eles, assim como eles a amam como a irmã mais nova...

39Likes
83Comentários
15095Views
AA

6. "não me deixa, ta bom?"

- ta com fome Carol?- ele perguntou da cozinha

-não, obrigada- ela respondeu mais docemente do que queria.

Ele apareceu na sala com uma travessa de pipoca e dois copos de coca- cola, e de repente sentiu fome.

- não fique chateada comigo,é que eu me preocupo com você.

-se preocupa demais, eu sei me virar ok?

-não, não sabe. E é exatamente por isso que eu te quero mais perto de mim.

- você me quer perto? Pensei que eu não fosse importante pra você.

- haha- ele riu e se encostou no sofá- mas você é. E eu quero que fique claro que você pertence a mim.

- eu pertencer a você?- ela perguntou irritada e se levantando do sofá - eu apenas me pertenço, você não manda em mim.

- ah é?- ele se pôs de pé em frente a ela- então sai daqui. Vai, boa viajem.

- eu.. Não quero ir- ela respondeu insegura.

- viu Carol? Você precisa de mim. e eu preciso de você.

Ele a puxou para um beijo que foi prontamente respondido. Não tinha essa de ir com calma, era puramente desejo de ambos. Ele a deitou no carpete cinza e tirou sua camiseta expondo seu corpo pálido contrastando com o sutiã preto todo rendado, que logo foi retirado também.

Não demorou muito pra que os dois estivessem totalmente entregues um ao outro. Trocaram de posição, onde ele ficava por baixo e ela pode dar a ele o melhor oral que Zayn já recebera. Ele retribuiu,claro.

Estavam a caminho do seu ápice, de um modo agressivo e quase violento, os arranhões deixados por ela e os tapas nas coxas da garota, não deixariam esse momento passar despercebido por eles. Ele a amava, de uma maneira diferente, mas amava. E ela não era diferente.

Harry 's pov

Hoje era sexta, dia de videogame no apartamento do zayn , claro que ninguém nunca faltava. Nem mesmo a Carol.

- ô cambada, vambora- nial falou buzinando pros garotos que discutiam sobre qual jogo jogaríamos primeiro.

Entrei no carro e automaticamente senti falta da feminilidade da Carol.

- cade o projeto de anão?- perguntei e todos riram. Menos niall.

-ela já ta lá. Foi ontem e ainda não voltou.- ele falou e soltou um longo suspiro. Eu sentia pena por ele ter que aguentar ela brincando com o coração dele, já não era fácil gostar de alguém como ela. E Carol não tornava nada mais fácil.

Abri a porta do apartamento do Zayn e dei de cara com os dois jogando videogame e rindo.

- ola- ele disse sorrindo. S-o-r-r-i-n-D-o. Carol fez ele sorrir, o que era quase impossível de se conseguir fazer.

Carol's pov

Zayn soltou seu peso do meu lado, e suspirou me puxando pra um abraço.

- não me deixa ta bom?- ele pediu fazendo carinho no meu cabelo.

- eu não ia conseguir, por mais que eu queira- respondi me aninhando a ele.

- eu.. Eu.. Te amo- ele falou como se estivesse sofrendo em me dizer isso.

- eu também te amo- falei e acabei dormindo.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...