Os Peculiares


0Likes
0Comentários
725Views
AA

8. VIII

Fui para o jantar, o Lysandre me recebeu com um grande sorriso, acho que ele gosta quando uso roupas Kawaii.

Dei outro sorriso em troca pra ele, por que ele é tão fofo?! Sentei-me ao lado de Lysandre e logo a srta. Peregrine entrou na sala de jantar. Comemos e fomos para a sala, porque parece que a srta. Peregrine tinha algo para nos contar e era urgente.

Srta. Peregrine: estão todos aqui?!

Todos: sim!

Srta. Peregrine: ótimo! teremos que ir atrás de peculiares novos, muitos estão sem suas Ymbrines por causa dos ataques de acólitos.

Ela deu uma pausa para respirar e deixar nós processarmos a informação.

Srta. Peregrine: vou separar quem vai comigo! Castiel, Lysandre, Alexy, Armin, Nathaniel, Kentin, Priya, Rosalya...

Estava esperando ela falar meu nome...

Srta. Peregrine: e só! agora vão trocar de roupa que sairemos imediatamente.

Bonnie: mas srta. Peregrine...

Srta. Peregrine: hm?!

Bonnie: eu sou uma das mais fortes!

Srta. Peregrine: por isso mesmo! você e o Dake ficarão para cuidar das menores.

Bonnie: mas...

Srta. Peregrine: nada de mas!

Que injustiça, quando eu posso mostrar a força do meu poder, eu tenho que cuidar das menores. Fiquei sem fazer nada por uma ou duas horas, não podia pegar minha guitarra, porque se vier um acólito, provavelmente, não conseguirei ouvi-lo.

Fiquei conversando com Dake.

Bonnie: essa foi a missão mais chata que a srta. Peregrine me mandou fazer.

Dake: então ficar comigo é chato?!

Bonnie: não, a sua companhia é muito agradável, só que é ruim ficar aqui sem fazer nada.

Dake: eu entendo!

Como será que está o Lysandre? Será que ele está bem?

Dake: no que está pensando?

Bonnie: me perguntando se todos estão bem!

Dake: devem estar. Eles são fortes!

Bonnie: nós também somos, por que não podíamos ir?! Ainda não entendo! Podia deixar a Priya e a Rosalya!

Dake: é!

Então ouvimos um barulho, fui olhar na janela e tinha etéreos do lado de fora.

Bonnie: VAI BUSCAR AS MENINAS E LEVEM-NAS PARA O TELHADO!

Dake: OK!

Saímos correndo e fomos para o telhado, parece que o tempo passou muito rápido, os etéreos já tinham entrado e já tinha feito um corte no meu braço, fiz uma linha de sangue até o sótão, imagino o desespero da srta. Peregrine quando chegar, tivemos que fugir, tinha muitos etéreos, não iria conseguir matar todos sozinha, então descemos pelo telhado e Iris fez uma "ponte" com a árvore que tinha ao lado.

Fomos floresta adentro, as meninas estavam com medo, posso admitir que também estava, tivemos que fazer uma cabana, na verdade, a Iris fez, ela juntou folhas e galhos uns aos outros e ficou um teto improvisado, não conseguimos fazer mais que isso, pois a desgraça do etéreo atacou a noite, então não conseguimos ver nem a sombra daquele monstro.

Eles dormiram todos juntos por causa do frio, eu fiquei acordada para caso algum etéreo resolva vir nos matar enquanto dormimos.

O Dake abraçando as meninas foi tão fofo, ele parecia um pai, hahahaha, mas eu não tinha só o trabalho de vigiar, como também de esquentar, sempre quando alguém começava a tremer de frio, eu encostava minhas mãos que são quentes para ver se aquecia um pouco, finalmente amanheceu, mas tem um problema, como corremos sem olharmos para onde íamos, acabamos perdidos e não temos o Armin com seu mapa dos dias para nos guiar nessa floresta.

Continua...

Até a próxima bbs

Bezus :D

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...