Os Peculiares


0Likes
0Comentários
732Views
AA

6. VI

Bonnie: ah, desculpa! achei que era melhor te acordar!

Lysandre: obrigado! você ficou desacordada por 12 horas. Estão te esperando na sala!

Lysandre está com uma voz sonolenta por ter acabado de acordar.

Bonnie: ok! Vem comigo!

Lysandre: tá bom!

Quando estava na sala vi que tinha uma menina nova, a diretora me apresentou a ela e parece que seu nome é Lety.

Quando ela olhou para o Lysandre, seus olhos brilharam. Já não gostei dela.

A srta. Peregrine explicou que mudamos de casa, país e época, isso aconteceu enquanto eu estava desmaiada.

Ela mandou uma carta para minha tia tentando explicar tudo...e provavelmente, nunca mais a verei.

A Rosalya comprou algumas roupas para mim e ficaremos assim por um tempo.

...

Passou algumas semanas e piorou a minha amizade com aquela Lety, ainda mais porque ela fica colada no Lysandre.

Eu me aproximo dele e aquela praga aparece, então comecei a ficar mais com o Armin e com o Kentin.

Estava no corredor com os dois conversando sobre jogos, e simplesmente fiquei em choque e parece que eu não era a única.

Kentin e Armin ficaram com a mesma expressão só que provavelmente não estavam com vontade de chorar.

Estavam simplesmente, Lety e Lysandre se beijando no jardim que ficava no final do corredor.

Teve um problema, quando vi aquela cena eu estava no jardim e do lado de uma árvore. Sim, eu queimei a árvore.

Armin: err...você queimou a árvore.

Bonnie: EU SEI! agora com licença que eu vou matar alguém!

Saí correndo e parece que finalmente aquela árvore chamou a atenção dos dois que me viram sair dali.

Estou com tanto ódio que por onde eu ando, eu queimo e não consigo controlar isso.

Fui para a floresta que tinha lá perto, e parece que quanto mais eu andava, mais forte ficava meu fogo.

Parei em um lugar perto de um lago, não tinha tomado minha pílula ainda, era perigoso mais mesmo assim sentei perto do lago.

Estou chorando, e por incrível que pareça, minha lágrimas não machucam.

Sentei na beira do lago e fico olhando fixamente para ele.

   LYSANDRE

Não sabia exatamente o que estava acontecendo, mas vi Bonnie sair correndo para a floresta queimando tudo o que via pela frente.

Armin: ai, meu deus! AI, MEU DEUS!

Kentin: calma, vamos falar com a senhorita peregrine. Ela saberá o que fazer!

Percebemos que Castiel estava sentado na árvore ao lado e provavelmente viu tudo.

Castiel: Lysandre, não sabia que era pegador! mas você chateou a Bonnie, você fodeu tudo.

Lysandre: a culpa não é minha, a Lety me beijou a força...eu juro que não queria.

Todos olharam para Lety que ficou envergonhada.

Armin: VAMOS! É PERIGOSO QUANDO UMA AURA DE FOGO FICA NERVOSA!

Saímos correndo e deixamos Lety para trás, entramos e vimos a senhorita peregrine.

Falamos com ela sobre o assunto e na hora ela nos deu roupas protetoras contra fogo.

Armin: mas já tinha prontas?

Srta. Peregrine: agradeça ao Nathaniel. Ele disse que precisaríamos disso e que era para tentar fazer o mais rápido possível, agora, vamos atrás do Alexy, do Nathaniel e do Dake!

Fomos indo e encontramos no caminho os três, sorte nossa.

Na hora que saímos para fora, encontramos a floresta queimando, está muito forte o fogo.

Entramos e nos separamos, estava com o Castiel. Ele falou alguma coisa para quebrar o silêncio.

Castiel: cara, essa Lety é muito esquisita, ela nem quis falar do poder dela para nós.

Lysandre: é...ei, o que é aquilo?

Eu e o Castiel ficamos sem reação, tinha uma bruxa colocando algum feitiço na Bonnie.

Ela estava desmaiada no chão. Na mesma hora, Castiel tenta pegar a bruxa, mas ela acaba escapando com alguma magia.

Ele pegou Bonnie no colo e fomos encontrar os outros no ponto de encontro.

Castiel: achamos a Bonnie!

Srta. Peregrine: Ótimo, vamos!

Nós fomos os mais demorados para chegar no ponto de encontro, acho que ficaram preocupados.

Colocamos Bonnie na cama dela, ela estava branca, mais do que ela já é.

Fiquei ao seu lado o tempo todo, nem jantei.

Deu mais ou menos 3:00 da tarde do outro dia e a Bonnie acordou, ela estava normal, mas parecia meio triste.

Rosa apareceu e foi falar com a Bonnie, só que não saiu uma palavra da boca dela.

Ela estava olhando diretamente para os olhos de Bonnie, então por curiosidade fui olhar e pude ver...almas? Tem almas no olho dela?

Eu e Rosalya nos entreolhamos e Rosalya saiu correndo para provavelmente, contar para a srta. Peregrine.

Saí depois e Bonnie ainda estava olhando para o mesmo lugar de antes.

      BONNIE

Eles saíram, eu não queria que eles saíssem, ou queria?

Realmente não sei, minha mente está confusa, parece que não controlo o meu corpo.

Como se eu só estivesse olhando para ele, sendo guiado por outra pessoa.

Olhei no guarda-roupa e só tinha roupas laranjas, azuis, verdes, amarelas, algumas pretas mas depois com outra cor junto.

Parece o pesadelo isso aqui, como ela consegue usar isso, quer dizer, eu usar isso? Resolvi experimentar umas.

Não, eu não gostei nada disso, odeio cores claras, por que tenho isso?

Peguei uma agulha, uma linha, uma tesoura e fiz minhas roupas com alguns panos pretos e partes pretas de umas roupas, até que ficou legal!

Bom, essas agulhas, linhas e tesouras se chamam magia, por isso ficou pronta rápido e sem barulho.

Desci e pela cara da Alma, ela não gostou nadinha do meu novo estilo. E aquele tal de Lysandre também não.

Sentei-me a mesa e a Alma...

Continua...

Até a próxima bbs

Bezus :D

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...