Um anjo a sua espera

Por quanto tempo você é capaz de esperar uma pessoa? Dez anos? Vinte ou mais? Pois é, imaginava que não conseguirira esperar nem por um dia, mas estava enganado. Meu coração resistiu ao tempo me surpreendedo. Se está disposto a amar, lute com todas suas forças pelo seu amor, essa história não é só mais um romance, é o MEU ROMANCE.

2Likes
0Comentários
281Views
AA

1. Consequências de uma irresponsabilidade.


 

Tudo começou depois de uma festa de aniversário da minha sogra. Estavamos felizes, comemorando também o novo emprego que eu havia conseguido. Mas nem tudo termina em festa quando uma irresponsabilidade põe as pessoas que você mais ama em risco.

Quando minha mulher e eu estavamos voltando de carro, a caminho de casa, o tempo começou a ficar mais escuro do que o normal, isso porque estava garoando muito forte e a neblina cobria parte da pista. Minha mulher me recomendava a todo momento a diminuir a velocidade, mas não a obedeci.

Estava com a visão prejudicada por causa das bebidas que tomei e quando fui desligar o ar condicionado, não tive mais tempo para impedir que caísse em um precipício.

A primeira coisa que vi quando acordei, foi um quarto todo branco, e meu corpo cheio de aparelhos, tentava dizer alguma coisa mas não conseguia, pois meus olhos se fecharam me deixando em completa escuridão. Mas depois de alguns segundos, se encontrava do lado de meu própio corpo, não conseguia entender aquilo, tentava falar com os médicos que estavam do meu lado mas eles não me ouviam. Foi aí que ouvi um deles dizendo algo que me apavorou.

- A mulher dele não resistiu, precisamos salvá-lo, não sabemos se tem filhos. Salvem ele por favor.

Quem dizia isso era um senhor com uma barba branca, que saiu da sala logo em seguida. Fui atrás dele, pra saber de minha mulher, mas nem precisei, vi dois homens pegando ela numa sala, e a ensacando. Aquela cena me destruiu, ainda desnorteado, tentei impedir que fizessem isso mas quando abri a porta, acordei com os médicos sorrindo para mim.

- Cadê minha mulher?

- Senhor, acho melhor conversarmos sobre isso depois.

- Não! Eu sei que ela morreu, não precisam me esconder, eu vi!

Estranharam mas por pressão, confirmaram meu medo. Desabei no choro, tirei todos os aparelhos de meu corpo e tentei sair da sala, mas me seguraram. Não tinha mais nada pra fazer, chorava compulsivamente no chão, pedindo o meu amor de volta, não conseguia aceitar que por causa de minha ignorância, tinha perdido meu grande amor pra sempre. 

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...