O Desalmado

O Desalmado, um monstro na figura de gente, desumano, cruel, destruidor, levando a dor e sofrimento de suas indefesas vítimas, um serial-killer que abalou e chocou toda opinião pública brasileira.

0Likes
0Comentários
40Views
AA

2. Na porta da Igreja

Em mais uma tentativa de estuprar outra jovem, passou perto da igreja e ao fim do culto seguiu sua vítima no caminho de casa, esperando o melhor momento para atacar, sorrateiro, e discreto, ficou de longe e quando a jovem subiu por uma rua deserta , o monstro e cruel assassino correu em sua direção sufocando sua boca com trapos de tecido sujo e arrastando sua vítima para o matagal, dessa vez a garota tentou fugir, mas com desespero tropeçou em uma pedra e caiu no mio do matagal, onde o maníaco aproveitando-se puxou sua saia, puxando sua roupa intima e penetrando sem piedade na jovem que gritava de dor, tormento e medo, seu corpo sendo violado de todas as maneiras com tamanha brutalidade deixou a garota em estado de choque, com a vítima desmaiada decepou sua cabeça, bebeu seu sangue em um ritual macabro  psicopata e minutos antes de sair da cena do crime disse que agora era a vez dos urubus carniceiros de aproveitar de sua carcaça morta e inerte.Mais uma vez a polícia localizou o corpo e começou a fazer ligações entre os dois crimes hediondos, mas o maldito criminoso já havia pegado a rodovia principal e estava longe, depois de ter conseguido uma carona com um homem desconhecido que o viu caminhando pela estrada.

Com delírio e alucinações constantes, correu até uma boca de fumo e comprou diversas drogas, cocaína, crack e depois passou em um boteco de beira de estrada, com um frasco vazio de refrigerante de 600 ml.pediu que enchesse de cachaça, comprou drogas com dinheiro de roubo, sangue, violência e morte. Depois disso foi para um ponto onde alguns usuários de drogas ficavam escondidos, sentou, pegou um velho cartão telefônico, bateu o pó e começou a cheirar quando uma mendiga que dormia ao relento viu aquela figura estranha, magra e barba espessa e se levantou e foi em sua direção.

_Você poderia me dar uns tecos nesse pó? . 

_Posso sim! Levantando, pegou uma pedra de granito maciça e tecou a cabeça da mendiga, causando traumatismo cranio-encefálico, vindo a falecer instantaneamente pela força do golpe fatal, olhou para vítima e disse: vai cheirar com o diabo no inferno, sua puta desgraçada e saiu da cena do crime levando sua droga e pertences.  

Quando a polícia chegou, mais uma vez havia escapado e estava novamente a caminho de outra cidade portuária, do litoral brasileiro.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...