Vivendo e aprontando em Hogwarts

#Sinopse

A segunda guerra bruxa acabou! Voldemord foi vencido e a paz reina novamente no mundo bruxo... Harry, Rony e Hermione são livres agora para aproveitar a vida, mas primeiro eles decidem voltar a Hogwarts para terminar seu último ano, porém coisas em suas vidas vão acontecer,pessoas novas vão aparecer, mechendo com suas emoções e consequentemente com seu destino.
Ps: Eu quero comentários ^-^

1Likes
0Comentários
448Views
AA

9. Uma conversa com McGonagall

P.O.V->Manuelle Andrade.

Minerva liberou todos os monitores chefes para cada um falar com seu professor indicado sobre o baile...

Eu já não estava mais com raiva de Harry, ele me deixou ver as lembranças dele e eu vi o que realmente aconteceu.. Foi aquela vagabunda da Gina que tinha armado tudo para que eu pensasse que ele estava me traindo..

Eu ainda tenho que conversar com Hermione sobre isso..

Eu tinha tomado um banho relaxante e depois desci para a sala.. Draco estava a minha espera já que os outros já tinham saído e ele ficou de me acompanhar até as masmorras.. Tenho certeza de que ele não tinha o menor interesse em falar com o professor Fliwth..

-Oi Draculino!?..-eu disse sorrindo assim que cheguei na sala..

-Iai Manuellina..!?..-ele fez a mesma coisa..-Bom dia, parece que você acordou de bom humor..

-É.. Parece que tudo está se acertando..

-Defina "tudo" minha querida..-ele disse fazendo aspas no ar..

-Bom.. Eu estou feliz.. Quase me reconciliei com o Harry, que a propósito, me pediu em namoro.. Tenho os melhores amigos que alguém poderia ter e tenho o melhor irmão postiço e gosto que eu poderia querer..-eu disse sugestivamente olhando para ele...

Nós dois caímos na gargalhada.

-Eu sei que eu sou irresistível irmã..-ele disse se gabando.

-Você é tão modesto Draco..-eu disse cínica.

-É.. Eu também sei disso.. Agora vamos.. Não vai querer levar mais uma semana de detenção com o Snape por se atrasar para falar com ele..-ele disse já se levantando..

Saímos pelo quadro da criança que brincava com seu urso de pelúcia..

Andamos até chegar na parte mais fria e escura do castelo.. As masmorras.. Onde o morcegão habitava.. Nós paramos em frente à porta dele..

-Tem certeza de que não quer que eu fique com você?.-ele me perguntou preocupado..-Só de ver vi desmaiar por que iria trabalhar com i Snape, eu fico preocupado com o que pode acontecer..

A porta se abriu deixando nós dois assustados..

-Não se preocupe senhor Malfoy.. Eu não deixarei acontecer nada com a senhorita Andrade e também não pretendo fazer nada..- Severus Snape falava olhando nos olhos cinza do meu irmão postiço..

-Tudo bem professor..-ele falou arrogante e se virou para mim..- Se cuida Manu..

Ele depositou um beijo na minha testa, o que fez o mais velho trincar os dentes.

-Tchau loiro..-eu dei um abraço nele e o vi sumir ao longe..

-Entre logo Andrade..-Snape disse ríspido.

Eu entrei e me sentei no tampo da mesa..

-Se você não sabe, cadeiras existem para que pessoas se sentem nelas..-o azedume em sua voz era visível..

-Está zangado comigo por que Severus?..-eu perguntei sem saber o motivo..

Ele se sentou em sua cadeira e ficou me olhando.. Eu não conseguia entender o que aqueles olhos tão negros queriam dizer..

-Estou esperando uma resposta se não se importa..-eu disse impaciente..

-Você tem que se decidir quem você quer.. Se é o Potter ou se é o Malfoy.. Não pega bem você ficar com um e com outro..-ele disse seco..

-Eu não acredito que você está pensando isso de mim.. Eu não sou uma dessas putas que tem aqui em Hogwarts Severus..-eu disse me lembrando de Gina Weasley.

-Eu não a chamei de puta..-ele estava cabisbaixo agora.

-Nãoooo... Imagina.. E pra sua informação Snape... Draco é só meu amigo, eu o trato como se fosse um irmão e ele também.. Já o Harry.. Bom..-eu fiz uma pausa escolhendo as palavras certas..

-Contiue..-ele me incentivou.. Se levantou e foi chegando mais perto de mim..

-Eu estou apaixonada por você Severus...-eu vi aqueles olhos que pareciam ser o céu sem estrelas brilhar...-Mas eu também gosto do Harry.. E eu não quero perder vocês dois..

Ele pareceu pensar.. O que será que aquela mente brilhante estava pensando?!..

-É você quem tem que decidir..-foi só o que ele disse..

-Mas eu amo vocês dois..-eu disse deixando lágrimas rolarem por meu rosto..

Ele me abraçou, eu pude sentir seu corpo e perceber que debaixo de todas aquelas roupas, havia um homem que apesar da idade era bem conservado e viril..

-Não quero que chore por minha causa.. Eu não vou te obrigar a me escolher, você é que tem que fazer isso..

Uma coisa estava passando pela minha cabeça.. Um idéia.. Não era muito comum, mas era aceita no mundo bruxo...

-Tudo bem.. Vamos falar do baile..-ele rolou os olhos interditado...-Não reclame, nósprecisamos Severus..

E ficamos lá por umas 2 horas, apenas discutindo como seria a dança que faríamos.. Ele não gostava muito de aparecer, mas teve que obedecer as ordens da Diretora Minerva..

-Sev?!...-eu o chamei.. Depois de falarmos do baile, eu sentei em seu colo enquanto ele afagava meus cabelos..

-Que é Manu?..

-Eu tenho que ir.. Vou até a sala da diretora para pedir autorização para ir a Hogsmead comprar o vestido para o baile..

-Ta bom.. Pode ir..

Eu me levantei e já ia saindo pela porta, mas parei e voltei correndo até o MEU morcegão e dei um beijo em seus lábios finos..

-Eu te amo..-eu disse e sai pela porta..

P.O.V->Autora.

Manu saiu pela porta, e nem percebeu que assim que fechou a mesma, SEU morcegão pronunciou as poucas palavras, mas que tinham para Severus um grande significado..

-Eu também te amo...

"Grifinória insolente", pensou ele rindo.. Não era uma coisa que ele costumava fazer, mas Manu o fazia feliz.. Foi então que ele teve uma idéia.. E parecia ser a mesma ideia que a sua Grifinória tinha pensado..

P.O.V->Minerva McGonagall.

Eu estava em minha sala resolvendo com a senhorita Parkinson o com o Senhor Zambine algumas coisas sobre o baile..

Quando alguém bate na porta..

-Entre..

-Com licença diretora...

A menina de olhos verdes e cabelos cacheados entrou na sala..

-Ah.. Senhorita Andrade.. Que bom que veio, eu precisava mesmo falar com você..

-Eu também preciso falar com a senhora diretora.. Oi Pansy oi Blás...-ela acenou para os outros monitores..

-Estão dispensados Parkinson e Zambine.. Depois conversamos mais.

Os dois sairam nos deixando a sós...

-Diretora eu queria pedir permissão para ir a Hogsmead com a Mione para comprarmos um vestido para o baile..

-Tudo bem.. Vocês podem ir.. Mas não é sobre o baile que eu quero falar com você..

-Então sobre o que é diretora?..-ela disse se sentando e eu também..

-É que eu percebi que você tem sentimentos por um de nossos professores..-ela arregalou os olhos verdes deixando que eles parecessem duas bolinhas de gude..-Sei que você gosta de Severus Manu e também sei que você gosta do senhor Potter..

-Eu sei diretora.. Eu estou meio confusa.. Não sei quem escolher..-a menina dizia passando as mãos nervosamente pelo cabelo..

-Só quero que saiba que qualquer que for a sua escolha, eu lhe apoiarei.. Só tome cuidado para não machucar seu coração..

-Não se preocupe diretora, eu vou tomar cuidado..

E ela se levantou e saiu da minha sala, me deixando sozinha.. Olhei para o quadro na parede onde sempre Dumbledore vinha conversar comigo..

-Algum problema minha querida Minerva?..-o velho de cabelos braços e varava igualmente branca e óculos meia-lua perguntou para mim..

-Acho que não Alvo.. Ela saberá o que fazer..

-Só espero que Severus tenha uma chance de ser feliz.. Ele já sofreu muito nessa guerra..-ele disse com os olhos azuis brilhando..

-É.. Eu desejo o mesmo para o Potter.. Agora só podemos esperar..

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...