No Mesmo Barco


0Likes
0Comentários
31Views

1. No Mesmo Barco

 

Jamais houve sequer um dia em que dialogamos

os nossos sentimentos deixamos de compartilhar

havendo sempre ouvidos para nos desafogarmos

e até mesmo um ombro para a gente se consolar. 

 

A complexidade de nossa cumplicidade é decorrente

de um vendaval que o nosso encontro patrocinou,

quando num mesmo oceano navegávamos,

permitindo com que rumássemos contra a corrente.

 

A distância resultou na nossa proximidade,

que com o passar dos dias, torna-se mais potente,

a proporção que apresentamos alguma novidade.

 

Logo que contrapomos todas as nossas ideias,

casamos os nossos sonhos, desejos e problemas

para assim, quiçá, terminarmos nos casando.

 

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...