Sombras da Noite

Katheryn vivia uma vida feliz, até se mudar para uma mansão em outra cidade. Ela estranhou, pois teve que se mudar sozinha. Sua mãe ficou doente e desapareceu. Seu pai, precisou fazer uma viajem para trabalho. Ela pensava que iria ser feliz do mesmo jeito que era na sua antiga casa. Sentia falta de suas amigas, seu namorado, sua casa e seus pais. Até que...

0Likes
0Comentários
226Views
AA

1. O sonho - Part. 1

Me levantei da cama e fui direto para a cozinha. Estaria muito cansada, mas teria força suficiente para fazer meu café da manhã e procurar algumas casas a venda na internet. como meus pais não estavam ali comigo, decidi apelar no café (coisa que eles nunca deixariam). Peguei os ingredientes no armário e na geladeira, e dei início a um café da manhã ''gordo''. Panquecas doce e um refrigerante.

 


 


 

Após terminar minha refeição, dirigi-me ao banheiro, onde tomei um longo e delicioso banho de espuma. Começaria a pensar que era bom meus pais não estarem ali comigo, para não me darem broncas, mas estava totalmente errada... Certa hora fui ao mercado comprar uma mistura, pois havia esvaziado a geladeira com algumas amigas. Me sentia tão responsável, tão forte, tão adulta... Até que uma hora não pude ver mais nada. Tudo ficou escuro de repente. Parecia que meus já não enxergavam mais, mas poderia sentir algo tapando meus olhos. Era arrastada pra lá e pra cá, e de tanto medo acabei desmaiando, não podendo gritar. Abri meus olhos e estaria deitada em uma cama muito confortável. O quarto era decorado estilo ''medieval''. Levantei-me depressa e logo me toquei que estava com um vestido longo, e vermelho. Mais parecia um de noiva. Quem poderia ter ousado a trocar minhas roupas?... Meu coração acelerou e batia como uma metralhadora. Não sabia o que fazer. Poderia pular pela janela... Mas eu morreria. Estava num décimo andar de algum lugar... Poderia simplesmente fugir sem ser vista. Não, não achava seguro sair dali. Aquele lugar tinha um cheiro de morte... De sangue. Não para de ficar arrepiada. Uma hora até me belisquei para acorda do ''sonho''. Mas nada resolveu. Comecei a chorar em silencio, e logo criei coragem e abri uma porta. Parecia uma passagem secreta... Era escuro... Muitos insetos e teias de aranha. Podia se ouvir gritos no final. Quanto mais andava, mais longo o caminho ficava. E quando já não mais aguentava de tanto andar, cheguei ao final do misterioso túnel. Havia uma outra porta, mas estava trancada... Desesperada balançava a maçaneta com brutalidade e logo a mesma cai no chão, soando um alto barulho no local. Comecei a suar frio, com medo comecei a tremer. Logo podia-se ouvir passos descendo as escadas no túnel... Alguém estava vindo. Foi daí que não aguentei mais e arrombei a porta. Já estava velha, então não foi tão difícil de quebrá-la. Quando me dei de cara com o lugar... Não aguentei e gritei. Havia uma grande quantidade de sangue por toda a sala, me deixando completamente paralisada. A lareira se acendeu, e pude ouvir uma voz ao longe...

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...