Better Than Words

Harry Styles um dos meninos mais desejados de toda a escola se apaixona por uma garota que se isola e que tem medo de falar com as pessoas, seus amigos não entendem o que ele vê nela. Ele tenta achar meios de conquista-la, sem grandes resultados.

31Likes
43Comentários
2934Views
AA

15. capitulo 14

A única vez que isso aconteceu comigo eu tinha treze anos, a garota não gostava de mim, parecia que me odiava, eu tentava conquista-la mas não deu certo ela partiu meu coração antes de ir embora ela fez o favor de dizer a mim tudo o que ela sempre pensou e não eram coisas boas, eu tinha medo que voltasse a gostar de alguém com tanta intensidade, mas voltei e mais forte, o amor que sinto pela Isabella não é uma atração, ela é a coisa mais importante para mim, ela é tudo, eu chamo isso de Amor, mas esse amor não me faz bem, assim como a última vez.

                              FLASHBACK ON

 Ela está partindo hoje para um novo pais mas não é só ela que está partindo. Meu coração está pela metade, tentei esquece-la antes que fosse tarde demais mas preciso dela para viver e agora que ela está partindo...

- Olá Harry queria te dizer uma coisa que sempre quis dizer a você – Rachel disse, fiquei com cara de bobo com um sorriso pior ainda na cara. – Bem, eu queria te dizer que você é o único retardado que já vi fazendo o que você faz, nunca gostei de você e nunca vou gostar de enxerga, você não é nada! – o sorriso desapareceu no meu rosto e a tristeza me preencheu – Você é ridículo, nunca gostei de você não percebe que eu te odeio, você me constrange com suas palavras “você é a pessoa mais linda que já conheci queria te ter ao meu lado para todo o sempre porque tenho certeza que serei a pessoa mais feliz do mundo!” – ela imitou minha voz, ou pelo menos pensa que imitou, ela saiu rindo e eu fui o mais longe possível fui até a beira da estrada para ver os carros e observar as arvores isso sempre me acalmou, os carros fazem barulho mas adoro carros.

Não sei como ela foi capaz de fazer isso comigo eu sempre amei tanto ela, de qualquer forma eu ia ser obrigado a esquece-la. Limpei lagrimas teimosas que teimavam a querer cair.

                             FLASHBACK OFF
Lembrar disso agora não é bom, não agora. Sinto que tudo vai acontecer de novo. Só esse ano tive a chance de falar com a Isabella, só esse ano tive coragem, não dizendo que sou tímido mas é que ela se afasta dos outros, tenho que esquece-la esse amor vai ser um veneno que vai me aniquilar como a última vez.

                           FLASHBACK ON

-não dá mais, não tem como viver sem ela! – sussurrei para mim enquanto pegava a faca de cortar carnes da minha mãe. Posicionei a faca direto em meu coração. – Eu não vou sentir nada porque ele já está quebrado. - Dei um fundo suspiro e afastei a faca de meu peito para investi-la em meu coração.

- HARRY NÃO! – Minha mãe gritou, mas já era tarde ninguém poderia me impedir. Era meu aniversário de catorze anos e eu acho que não preciso suportar essa dor mais.

Minha mãe segurou minha mão evitando que eu colocasse a faca em meu coração.

- Você não pode fazer isso Harry, eu te amo! – ela estava aos prantos me abraçando com toda a força que tinha.

                        FLASHBACK OFF

 Se minha mãe não estivesse segurando meu braço eu teria morrido, para minha sorte só Louis me conhecia e ele sempre me apoiou, nunca desistiu de mim. Depois disso mudamos para Londres com quinze anos. Louis veio comigo para procurar trabalho e logo depois o pai e mãe deles também vieram, meu pai nunca foi um pai muito presente os únicos que me apoiaram naquela época foi o Lou e minha mãe.

Isabella e Rachel são pessoas bem diferentes, passados diferente, talvez seja por isso que gosto da Isabella, porque ela nunca me lembrou Rachel. Já tive várias namoradas mas nunca as amei de verdade, depois de começar a encarar os fatos e seguir em frente atraí mais garotas, comecei a malhar, muitas coisas mudaram.

                                 ISABELLA POV’S

Não esperava que ele estivesse lá fora mas... Eu tinha esperanças que ele voltaria sinto vontade de morrer por magoar a pessoa que gosta de mim pelo o que sou ou pelo o que eu era, e não pela minha mudança de estilo.

- Liam eu acho melhor você sair antes que... – Não terminei minha frase tinha acabado de vomitar poucos centímetros ao lado de Liam fazendo com que caísse um pouco em seus sapatos, Liam se levantou se afastando do vômito. –Me desculpe eu... – Voltei a jogar outro jato de vômito no chão.

- Eu vou chamar alguém. Não saia daí!

- Tudo bem – Deitei, os vômitos acabaram, caso o contrário iria acabar derrubando o soro.

                              HARRY POV’S

Já era tarde, fui para a casa estava frio e eu estava de regata preta e calça jeans azul escura mas mesmo assim o frio sempre foi agradável para mim. Agora mais agradável que nunca.

- FILHO! Onde você estava? Estava pensando que tinha acontecido algo grave. – de fato aconteceu mas para mim.

- Não precisa ficar assim eu só fui a estrada, para relaxar, nada demais.

- Ah Harry, eu te amo tanto! Você é tudo pra mim! – ela estava chorando em meus ombros.

-  eu também te amo mãe.

- Eu não tenho ninguém a não ser você, se algo acontecesse...

- Nada vai acontecer de mal, fique calma -  disse com um sorriso limpando as lagrimas dela.

Minha mãe sempre se preocupou tanto comigo mas as vezes acho que ela deveria em esquecer para tentar ser feliz.

                              ISABELLA POV’S

Minha cabeça está doendo e voltei a vomitar, mas dessa vez foi sangue, os médicos estão aqui mas sinto que estou da beira da morte me sinto muito fraca e estou muito pálida, tem três dias que estou aqui e não houve muitas melhoras meu cabelo esta caído por falta de vitamina, Liam voltou para casa para ir as aulas, minha mãe continua lá fora e me diz que vai ficar tudo bem mas tudo parece mostrar ao contrário.

- Nós vamos falar com sua mãe agora, você está bem? – assenti com a cabeça, sem forças para falar, eu não estou bem sinto que estou piorando cada vez mais, a comida de hospital é horrível e evito comer talvez seja por isso que estou piorando.

Fechei meus olhos sentia meu corpo pesado queria levantar daquela cama mas por ordens medicas ainda não posso sair daqui, dormir é a única coisa que posso fazer.

-Não por favor me deixe! Me tire daqui! Eu tenho que vê-lo! HARRY! Não! VOLTA!

- Acalme-se!

- acho que vamos ter que injetar uma injeção nela, ela está molhada de suor! Chame a mãe dela!

Depois disso não sei o que aconteceu, senti algo ser injetado em mim e logo fechei os olhos. Tive uma sensação que era só o começo, o começo do que podemos chamar de um pesadelo, sem fim.

Não sei se você já teve a sensação que tudo estava desabando e que não teria mais volta, que ia tudo acabar e não restar nada a não ser rios de lagrimas e sofrimento? Perder o que você ama é a pior coisa que pode acontecer porque é ela que faz seu dia valer a pena e sem ela muda tudo as coisas não são assim tão animadas como seriam com aquela pessoa ao seu lado, talvez eu esteja mesmo amando, mas descobri isso tarde demais, ou talvez seja algo criado em minha cabeça. Sinto que é tão real isso tudo. Estou acostumada com a dor desde pequena mas está difícil de suportar essa perda. Amar não é só dizer eu te amo, amar é pensar naquela pessoa praticamente o dia inteiro, se preocupar com ela saber se ela está bem, amor são pequenas coisas que aquela pessoa faz que deixam nosso dia mais feliz! E acho que Harry é isso pra mim, acho...

                         FLASHBACK ON

Harry?

Sim, o Harry, ele está com uma arma na mão e vai se matar e você não vai impedir, além do mais você é a causa disso tudo. Preciso sair desse cubo, preciso tirar ele de lá. Era um cubo de vidro mas não consigo quebrar, começo a chorar e sangue sai da mão, o vidro esta rachando. Escuto uma risada e um tiro. Tarde demais ele se foi.

- Você não pode mais ajudar, você é fraca e está presa ai dentro duvido que consiga sair!

- Não por favor me deixe! Me tire daqui! Eu tenho que vê-lo! HARRY! Não! VOLTA!

 

Queria acabar com quem estava dizendo isso, mas não o via, só via o Harry caído sangrando, sem conseguir ajuda-lo, olhei para meu reflexo no vidro e tudo o que eu vi foi o rosto do Harry, e escutei uma voz me dizer no fundo. “Pode sair, não tem como ajuda-lo” fui arremessada para a frente. Caindo ao lado do Harry. Porque tudo isso tinha que acontecer. A pergunta é o que está acontecendo?

- Harry eu te amo.

                      

 

 ´                      FLASHBACK OFF

                        ----------------------------------------------------------------

Fim do capitulo, bem queria dizer: WOW! Obrigada por todos os comentários! Não vou mais excluir a fic. Nessa parte da Fanfic teve algumas revelações e espero que tenham gostado.

O que acharam desse capitulo? Acharam que faltou algo? Comente.

 

PS: Amo comentários! Kkk

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...