BEST FRIENDS - O tempo não apaga... - Season 1

Adolescência, fase da vida em que descobrimos o corpo, fazemos os amigos que levaremos pro resto da vida, os sentimentos são uma montanha russa, descobrimos o que é certo e errado. Mas seria justo, pagar por algo que não foi você que fez? Pior ser vitima da inveja de alguém que você nem conhece, ou acha que não conhece? Marcela, Gabriela, Harry, Lucas, Bruna e Luan, seis amigos, que entre, amores, conflitos, brigas e um segredo em comum, serão forçados a provar, até aonde se pode ir em nome da amizade...

4Likes
5Comentários
669Views
AA

19. CAPITULO 19

CAPITULO DEZENOVE

 

No fim de semana não nos falamos, as aulas haviam acabado, estávamos livres do colégio, resolvi ir falar com a Marcela, não tava agüentando ficar sem falar com ela.

Quando cheguei, toquei a campainha e logo a tia Karina atendeu. Pedi pra ver a Mah e ela mandou eu subir.

Quando cheguei na porta do quarto, bati e logo se abriu. Entrei e vi a Mah, parecia que ela havia andado chorando, normal, eu também tinha chorado...

- Queria falar com você... – Disse insegura.

- Não tenho nada pra falar com você... – Ela foi curta e grossa.

- Mah, não faz assim. A gente é tão amiga... – falei quase chorando.

- A gente era amiga, quer dizer, eu fui sua amiga.

- Eu também fui sua amiga.

- Mentira Bruna, ficou com o Harry, sabia que eu gostava dele, mesmo assim traiu a minha confiança e a minha amizade. Eu te odeio.

- Não fala assim Marcela, não foi minha culpa, eu achei que fosse o Lucas. Eu juro.

- Eu não acredito em você, na verdade, tenho nojo de você. Quero que suma da minha frente, você não vale nada, vagabunda, não merece a minha amizade, não merece nada. Te desejo tudo de ruim, tomara que nunca fique com meu irmão, ele não merece alguém como você.

- Eu que não quero mais seu irmão, tomara que a Elisa dê um pé na bunda dele, vou achar é bem feito. Quanto a você, não se conforma por ser esnobada pelo Harry, bem feito que ele tenha terminado com você. Sinceramente, tomara que meu irmão, esqueça tudo que ele sente por você, ele merece coisa bem melhor...

- Sai daqui Bruna, saiiii.

- Eu vou embora e espero nunca mais ter que olhar pra sua cara...

Saio do quarto dela, logo ouço a porta se batendo atrás de mim. Quando saio da casa dela começo a chorar, não era possível que a nossa amizade tenha acabado assim, éramos tão amigas, tão unidas, tudo o que ela havia falado ainda me doía por dentro. Não consigo parar de chorar, ela me magôo e eu nunca vou esquecer a forma como ela falou comigo... Isso vou levar pro resto da vida...

GABY...

Estava vindo do supermercado com minha mãe, quando vi a Bruna na pracinha sentada chorando, pedi pra minha mãe parar o carro e fosse pra casa, precisava conversar com a Bruna, precisava me explicar...

Minha mãe parou o carro e eu desci, me aproximei da Bruna, mas ela só me viu quando me sentei ao lado dela.

- Sai de perto de mim... – Bruna falou se afastando de mim.

- O que houve? – Falei preocupada.

- Larga de ser cara de pau Gaby, depois de tudo ainda se finge de preocupada.

- A gente precisa conversar sobre isso Bruh...

- Conversar o que? Pensei que já estava tudo explicado.

- Bruna, eu não fiquei com o Lucas por querer...

- Eu sei, ficou por vingança, porque não te ajudei com o Harry.

- Não foi nada disso Bruna, deixa eu explicar...

- Não, porque não quero ouvir, chega de mentiras, eu odeio você. Por sua culpa estamos todos brigados.

- O que eu fiz?

- Viu aquele maldito anuncio daquela casa, desde então, tudo se virou contra nós.

- Não é minha culpa Bruna, ta sendo injusta.

- Quer saber Gaby, some da minha vida, quero esquecer que um dia te conheci. Falsa.

- Não fala assim Bruna... Eu gosto tanto de você... é minha melhor amiga.

- Eu imagino o que faz com a sua inimiga...

Bruna se levanta e sai sem olhar pra trás. Comecei a chorar, não dava pra acreditar que anos de amizade estava se desfazendo assim...

MARCELA...

Eu tava destruída emocionalmente, não tava suportando a falta que eles estavam me fazendo, as tardes juntos, meus amigos, meus ex amigos...

Eu não sabia o que fazer sem eles, tudo a gente fazia juntos, saudade da Bruna, ela era minha melhor amiga, como ela pode fazer isso? Não entrava na minha cabeça, como ele teve coragem? E o Luan? Ele gravou aquele vídeo, nunca vou perdoar ele...

Pego o ursinho que ele me mandou no dia seguinte que a gente ficou, queria me livrar dele, mas não conseguia, abracei forte o ursinho e me encolhi na cama, não acredito que ele fez isso comigo...

A campainha toca, ninguém atende, me vejo obrigada a descer pra abrir, quando chego na porta e abro, era ele...

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...