BEST FRIENDS - O tempo não apaga... - Season 1

Adolescência, fase da vida em que descobrimos o corpo, fazemos os amigos que levaremos pro resto da vida, os sentimentos são uma montanha russa, descobrimos o que é certo e errado. Mas seria justo, pagar por algo que não foi você que fez? Pior ser vitima da inveja de alguém que você nem conhece, ou acha que não conhece? Marcela, Gabriela, Harry, Lucas, Bruna e Luan, seis amigos, que entre, amores, conflitos, brigas e um segredo em comum, serão forçados a provar, até aonde se pode ir em nome da amizade...

4Likes
5Comentários
679Views
AA

12. CAPITULO 12

CAPITULO DOZE

 

MARCELA...

Como assim ele dormiu com ela? Que odioooo. O Luan me paga. Sai com pressa do colégio, nem falei com o Harry. No meio do caminho pra ir pra casa da Bruna, parei de repente.

Porque eu estava tão irritada? Afinal, eu tava namorando, aiii que ódio. Tenho que falar com ele.

Chego na casa da Bruna, nem bato na porta, entro direto. Subo as escadas, quando chego na porta do quarto do Luan, abro sem bater, logo em seguida me arrependo disso...

Ele e a Gaby estavam se beijando deitados na cama, quando ia saindo do quarto.

- Ta fazendo o que aqui – Gaby pergunta se fazendo de besta.

- Me desculpem, só queria falar com o Luan, mas deixa pra lá...

- Fala uê. – Dessa vez foi o Luan que falou.

- Não era nada demais.

Saio e fecho a porta, a Bruna vinha pelo corredor, mas nem falei com ela, precisava ir pra casa...

Quando cheguei em casa, deitei na minha cama e fiquei com uma vontade de chorar imensa, ver eles dois juntos, me magôo mais que eu poderia imaginar...

LUCAS...

Parece que as coisas estavam cada dia mais estranhas, era aula de matemática, com a professora Elisa, que é super gata , os caras tudo babava por ela, mas... Ela não dava mole pra ninguém. Bom pra quase ninguém rs.

Era dia de prova, quando terminei, entreguei a minha e voltei pra minha mesa. Quando a aula acabou todos entregaram a prova, começamos a sair.

- Lucas, eu gostaria de falar com você – Professora Elisa me chama e eu volto pra sala.

- Pode falar professora.

- Seu rendimento ta caindo em matemática.

- Sempre foi assim professora kkkk.

- Não tem graça Lucas, você tem que se preocupar com seu futuro.

- Mas eu sou burro.

- Quem te falou isso Lucas?

- Meus amigos, geralmente eles tem razão kkkk.

- Não tem, você é inteligente e muito bonito...

- Obrigada, mas eu sou burro mesmo kkkk.

Ela se aproxima de mim, passa a mão no meu rosto.

- Quer ter aula de reforço?

- Ah sei não viu. E outra, minha mãe não vai pagar.

- Eu te dou as aulas de graça...

- ah se for assim então eu aceito.

- Começamos amanha. Pode ser?

- Tudo bem, na biblioteca?

- Por enquanto sim rs.

- Ta bom então, valeu professora.

- Tchau...

Ela mim da um beijo no rosto e meu corpo todo se arrepia. Saio da sala e não entendo o interesse dela repentino por minhas notas.

Ela ficou me dando aulas de reforço na biblioteca, até que um dia, ela me convidou pra ir estudar na casa dela e eu aceitei...

ELISA...

Enquanto eu dava aula, percebi que a aluna Bruna Santana, não parava de olhar pro Lucas, já estava começando a me irritar, sem contar quando os dois ficavam trocando sorrisos, ela tocando nele... Que vontade de matar essa pirralha.

Quando a aula termina, chamo a Aninha,uma das alunas, quando todos saem, faço uma pergunta pra Aninha.

- Você sabe o que a Bruna é do Lucas?

- Até onde eu sei, só amigos porque?

- Não, por nada, é que o desempenho dele de matemática, ta caindo e achei que fosse por causa de alguma namorada ou coisa do tipo.

- Não, eles são só amigos, não sei se já ficaram, mas a Bruna gosta dele, foi o que eu ouvi falar.

- Ok, obrigada Aninha, vou falar com a mãe dele pra saber se tem algo distraindo ele...

Vou ter que dar um jeito nessa garota, se ela acha que vai me enrolar, ta muito enganada...

LUCAS...

Na sexta feira, a professora Elisa me chamou pra ir na casa dela, pra ter as aulas de reforço, pediu pra mim ir depois da aula, já que nesse dia ela não daria aula no colégio.

Depois da aula, peguei minha mochila e dei tchau pro pessoal, fui pra casa da Professora.

Quando cheguei, toquei a campainha, logo ela apareceu, tava muito gata.

- Entra...

Obedeci, a casa era grande e bonita, pelo visto, ela era solteira mesmo.

- Vamos começar a estudar? Minha mãe não sabe que vim pra cá. Então não posso demorar.

Logo começamos a estudar, até podia ser minha imaginação, mas ela não parava de me olhar de um jeito estranho. Não sei explicar como...

Teve uma hora que ela subiu e eu continuei estudando, ouvi ela me chamando, fiquei meio em duvida, mas subi e quando entrei no quarto dela...

 

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...