Dance With Me

"We are fool whether we dance or not,so we might as well dance"-Japanese Proverb Jessica Braun Williams, 24 anos, dançarina profissional de classe média. Tyler Stanley Richards,24 anos, herdeiro das empresas "Richards" podre de rico e prestes a noivar com Meredith Braun. Tudo se dá início,quando a notícia de um jantar de noivado começa a mudar a vida e modo de agir de todas as pessoas envolvidas,fazendo com que os caminhos de Tyler e Jessica se cruzem. O que acontece é nenhum dos dois sabiam que tinha uma ligação muito mais próxima,antes mesmo de se conhecerem. Também disponível no Wattpad /Also available on Wattpad : http://w.tt/1oDSAlT

2Likes
4Comentários
7808Views
AA

28. Chapter 28

Jason/ Tyler's P.O.V.

Agora está mais que confirmado que eu sou um idiota.

Toda vez que nós nos encontrarmos vai ser uma situação estranha.

Tudo isso porque eu não tenho autocontrole suficiente para conter a necessidade de beijá-la. Isso mesmo, necessidade.

A maldita necessidade de querer beijá-la cada vez que eu a encontrava ou até mesmo pensava nela.

Mas que merda eu estou pensando, ela tem namorado, eu tenho namorada e esse CD do U2 não está me ajudando muito a tentar parar de pensar na merda que eu fiz.

Em um universo paralelo, eu ainda estaria ali naquele sofá só ouvindo sua risada, só passando a mão na sua pele e..

Meu celular começa a tocar.

Marc.

*ligação on*

– Amigooooo. - Marc grita do outro lado.

– Marc, não grita pelo amor de Deus

– Cadê você? Precisamos de você sendo o consolador das nossas horas de derrota- ele falou tudo tão enrolado que eu levei uns 10 segundos para entender.

Que derrota?

– Nenhum de nós pegou ninguém, nem um beijinho- Marc choramingou.

– Eu estou entrando na nossa rua. Segura o drama um pouquinho.

*ligação off*

Jessica's P.O.V.

– Jessie?

– Hm...

Eu abri meus olhos e Ryan me encarava.

– Jessie...eu...me desculpe- ele começou a falar e eu peguei meu celular para ver as horas e tinha uma mensagem. Deixei para ler depois.

– Ryan, são três horas da madrugada. Amanhã nós conversamos. - eu me estiquei e fechei meus olhos.

– Mas eu...

– Shh... Tome um banho e vá dormir. Estou cansada, amanhã você fala. - eu disse sonolenta e me virei para o outro lado.

– Boa noite...- ele disse dando um beijo na minha bochecha, enquanto seu bafo de bebida entrava em meu nariz, me dando enjoo.

Não tinha se passado muito tempo depois que eu realmente consegui pegar no sono.

Eu ouvi o chuveiro sendo aberto e peguei meu celular rápido para ver de quem era a mensagem que recebi.

Meu coração deu um pulo ao ler o nome da causa da minha insônia.

*mensagem on*

Jason: Acordada?

Jessica: Queria poder dizer que não.

Jason: Motivo?

Jessica: Ryan chegou.

Jason: Agora?

Jessica: Há exatamente 10 minutos atrás. Eu estou fingindo que estou dormindo. Não quero ouvir suas desculpas.

Jason: Então, você já estava acordada antes dele chegar. Por quê?

Porque você me deu uma porra de um beijo, lembra?

Ouço a porta do banheiro se abrindo.

Jessica: Ryan vai entrar no quarto, tenho que ir, bj, boa noite.

Jason: Boa noite, durma bem, beijo.

*mensagem off*

Quando Ryan abriu a porta, eu já estava de olhos fechados, mas senti ele se deitando ao meu lado e me abraçando.

Seu toque não provocou nada além de um choque térmico em minha pele.

Eu só queria que amanhã demorasse ao máximo para chegar.

Jason/Tyler's P.O.V.

– Marc, se você vomitar no meu sofá eu juro que te mato.

Depois que eu cheguei em casa, encontrei Marc e Andrew assistindo algum desses reality shows inúteis e sem sentido.

– Nossa, que demora, cara! -Andrew disse pegando uma cerveja na geladeira.

–  Dando uns pegas na Jessica?

– Primeiramente, Jessica faz o tipo de quem só dá "uns pegas". - eu disse apesar de que deve ter sido exatamente o que ela deve estar pensando que eu fiz nesse momento.

Qual é o cara que beija uma garota e vai embora igual a uma menininha com medo?

Um idiota, ou no caso eu.

– O seu primeiramente deveria ser que você está comprometido, dude - Marc falou com uma voz embolada.

-Vocês não esperam eu terminar. - eu joguei meu celular no balcão,

– Como assim? O que eu perdi? - Andrew me barrou quando eu estava prestes a sentar no sofá.

– É, o garanhão profissional resolveu definitivamente abandonar o barco daqui a um mês. - Marc disse, pegou um balde que estava do lado do sofá e quase colocou os órgãos para fora.

– Dois, na verdade. Meu pai pediu que eu ficasse livre nos próximos dois meses. Tive que remarcar.

– Não, espera. Para tudo, você tá namorando com quem? - Andy arregalou os olhos - Com a Meredith? Não, por favor, fala que é mentira. - ele olhou para Marc.

– Qual é o problema com a Meredith?

– Tirando aquela vozinha que fica meio irritante depois de 2 minutos de conversa, problema nenhum. Porra, eu viajo por dois meses e você me arranja uma namorada, Richards? - Andrew levantou as mãos na altura dos ombros e Marc começou a gargalhar do nada.

– Se fosse só namorada, dava para resolver o problema. Tyler está prestes a ficar noivo, colega. - Marc disse fazendo umas caretas estranhas e Andy cuspiu cerveja no chão.

– Porra, meu chão, cara. - Eu disse pegando um pano e passando rapidamente nas partes molhadas.

– Foi mal, mas eu ainda não tão acreditando que você tá namorando sério. Tudo bem que ela é bonitinha, mas com uma voz daquelas, só sendo muito boa na...- eu encarei ele com uma cara séria- Bem... Você sabe onde.

– Enfim, seja como for, quer se juntar ao grupo dos que não beijaram ninguém hoje? - Marc e Andrew sentaram ao mesmo tempo no sofá.

– Bem que eu queria dizer que sim, mas não tenho os requisitos necessários para fazer parte desse grupo super badalado.

– O único requisito é não ter beijado ninguém e pelo que eu saiba você...espera aí -Marc arregalou os olhos para mim e eu fingi que estava muito interessado naquele reality show que passava na TV.

– Você beijou alguém? Melhor, você beijou a Jessica? -Marc saiu do lugar onde estava e sentou-se no braço da poltrona onde eu estava, de repente ele estava mais sóbrio do que jamais esteve. Droga.

Eu apenas fiquei calado lembrando da sensação de quando eu toquei a pele dela.

– Eu pensei que a Jessica não fazia o tipo de dar uns pegas. - Andrew deu um gole longo no conteúdo da sua garrafa.

– E ela não faz. Eu beijei ela, do nada. Agora eu estou me sentindo um idiota. - eu passei a mão no rosto.

–Tyzinho sempre um passo à frente, que orgulho. - Marc disse batendo na minhas costas. 

–  Você sabe que se o namorado dela ou a Meredith descobrir você está ferrado, né?

– Obrigado por lembrar, mas ela só vai descobrir se você contar para ela. O que você nem pensaria em fazer, certo? - eu olhei duvidoso para ele.

– Apesar de não gostar da Meredith, você é meu melhor amigo e eu nunca faria isso com você. - ele me deu um abraço sem jeito de lado.

– Vocês são tão gays. - Andy disse e Marc jogou uma almofada certeira no rosto dele.

– Mas e aí como foi? - Marc disse me encarando.

– Como foi o quê?

– O beijo, retardado. - Andy revirou os olhos e eu mostrei o dedo do meio para ele.

– Vocês não tão achando que eu vou contar como foi o beijo para vocês, estão? - eu levantei uma sobrancelha

– Lógico! - eles disseram em coro.

Até parece que eu dividiria aquele momento com alguém.

– Desculpa decepcionar vocês, mas vão ter que ficar imaginando como foi. - eu levantei da poltrona e fui em direção ao balcão para pega meu celular e as minhas coisas que estavam dentro do carro.

–Ah qual é, cara! Isso é mancada. - Marc disse cruzando os braços como um garoto de seis anos.

– Dá pelo menos uma dicazinha para nós conseguirmos imaginar. - Andy disse com as mãos juntas.

– A única coisa que eu posso dizer é que ela sabe beijar. - Eu subi as escadas em direção ao meu quarto, mas voltei alguns degraus. 

–  Ah, e a Susie ficou chateada porque você não foi com ela, Marc.

Ele arregalou os olhos, mas quando percebeu que Andrew estava lhe olhando, ele voltou a expressão neutra e tossiu forçadamente.

Andrew percebendo começou a irritá-lo e graças a Deus eu poderia dormir em paz, sem atenções voltadas para mim.

Porém, assim que deitei na cama percebi que dormir seria uma tarefa complicada naquele dia.

Peguei o "Songs Of Innocence" e coloquei para tocar pela décima vez.

Fui para a banheira e fiquei um bom tempo lembrando da Jessica rindo no banco do carona, segurando a risada quando eu levei um banho da vizinha dela, das suas tentativas de fazer eu parar de fazer cócegas, do beijo...

Eu nunca tinha ficado tanto tempo pensando num beijo como eu fiquei pensando nesse.

Argh, que merda. Jessica tinha que aparecer com esse jeito dela logo quando eu estava prestes a ficar noivo.

Passei a mão no cabelo repetidamente e isso só me fez lembrar dos seus dedos entrelaçados no meu cabelo, puxando-os levemente e...

Eu estava louco, era isso.

Saí da banheira e coloquei uma calça moletom e deitei na cama.

Peguei meu celular e já eram 3 horas da manhã.

Mandei uma mensagem para Jessica, sem muitas esperanças de resposta. Porém ela respondeu, o que era um bom sinal, já que ela não iria me evitar depois do beijo.

Ryan tinha acabado de chegar em casa, depois de um dia inteiro desaparecido.

Ele é um idiota. Tem uma garota perfeita, que tá na cara que se importa com ele e só a decepciona.

Fiquei mais alguns minutos acordado, depois de sua última mensagem, e fiquei repassando aquela noite, várias e várias vezes até pegar no sono.

***********

(N/a: Sweeetiiees, que bom estar com vocês mais uma vez. Att algumas horinhas atrasada, mas tá valendo. Semana pré-prova e semana de prova são as piores, ugh. E para melhorar o touch do celular tá meio ruim, o que dificultou a escrita e postagem do capítulo mais cedo, mas acontece nas melhores famílias.

Enfim, como vocês estão? Aqui tá um frio tão bom, que dá vontade de ficar o dia inteiro embaixo do edredom dormindo ou escrevendo.

O que acharam do capítulo? E o que estão achando da história até agora?

Deixem seus comentários, sugestões, críticas, Harry Styles (Com ou sem roupa) e façam uma autora feliz. Sério é muito difícil ter leitores fantasminhas, porque não dá para saber se vocês estão gostando ou não. Apareçam, eu sou legal, juro kkkk...

Bem, qualquer coisa só mandar mensagem e eu estarei aqui. Até a próxima semana xx)

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...