Dance With Me

"We are fool whether we dance or not,so we might as well dance"-Japanese Proverb Jessica Braun Williams, 24 anos, dançarina profissional de classe média. Tyler Stanley Richards,24 anos, herdeiro das empresas "Richards" podre de rico e prestes a noivar com Meredith Braun. Tudo se dá início,quando a notícia de um jantar de noivado começa a mudar a vida e modo de agir de todas as pessoas envolvidas,fazendo com que os caminhos de Tyler e Jessica se cruzem. O que acontece é nenhum dos dois sabiam que tinha uma ligação muito mais próxima,antes mesmo de se conhecerem. Também disponível no Wattpad /Also available on Wattpad : http://w.tt/1oDSAlT

2Likes
4Comentários
7768Views
AA

1. Anything Could Happen

"After the war we say,we'd fight together..."

-Todos estão aqui?-perguntou Meredith pela milésima vez.

-Sim-respondemos todos em um tom uníssono arrastado,por termos respondido essa mesma pergunta durante os últimos 10 minutos.

-Enfim...bem...o comunicado que estou prestes a fazer é apenas para quando receberem a notícia oficialmente não ficarem surpresos demais e sofrerem um ataque cardíaco-ela disse,riu e foi interrompida por Brian,nosso irmão mais velho.

-Oh meu Deus,Meredith! Você está grávida?! Parabéns! -ele berrou com uma voz afetada.

-O quê?Cadê o endereço do seu namoradinho para eu cortar o pinto dele fora-disse James,o segundo irmão mais velho e todos caíram na gargalhada,menos Meredith e ,é claro, nossa prima Joanne.

-Não.-Meri disse firme,forçando um sorriso simpático-Eu não estou grávida, e você não vai cortar nada de ninguém,James-disse ela entre dentes,levemente irritada.

-Ouch!-James resmungou e levou um tapa da mamãe.

-Continuando e indo diretamente ao ponto-ela respirou fundo e completou-Tyler me pediu em noivado e como ele sabe que você,papai,é um cara tradicional pedirá a minha mão num jantar aqui,com família e amigos,no mês que vem.-ela terminou seu discurso provavelmente ensaiado mil vezes ao julgar pela voz "decoreba" dela.

-Mas por que só no mês que vem,Meri?-perguntou papai com um sorriso no rosto.

-Ele está muito ocupado na empresa do pai esses dias e disse que quer um tempo reservado para conhecer toda a família-ela disse não contendo um sorriso eufórico e ansioso.

-Que rapaz educado e gentil-mamãe correu para abraçar a filha mais nova,provavelmente morrendo de orgulho dela e do título que receberia de "Sogra do futuro maior empresário da Inglaterra".

Patético,eu sei.

Tyler Richards.Provavelmente um riquinho metido,tirado a merda que encontrou uma parceira ,igualmente metida e tirada a merda,para juntar os trapos. A diferença era que Tyler tem recursos para ser mimado,Meredith não.

Eu nunca tinha visto uma foto desse cara,muito menos o visto pessoalmente,pois sempre que nos visitava um "infeliz imprevisto" me tirava de casa.

-É parece que finalmente conheceremos o "bambambam" do momento-Jeniffer sussurrou baixinho para mim e eu ri.

Jennifer Campbell,minha melhor amiga (lê-se irmã).Nós ,possivelmente,nos conhecíamos desde a maternidade. Ela me dizia que se fosse homem seria minha alma gêmea e impediria,com isso,meu dedo podre para namorados. Infelizmente,ela não era homem e não podia conter minhas paixonites erradas,mas falaremos disso depois.

-Se depender de mim,eu me jogo de um penhaso antes que isso aconteça-eu disse me colocando em última na fila que se formava para parabenizar Meredith.Não importa se elatinha ou não consideração por mim.

-Ah qual é,Jessie! Não pode evitar que uma hora terá que conhecer seu futuro cunhado-ela disse apontando o dedo para mim.

-Nada contra ele-fingi indiferença dando de ombros-Apenas não aguentarei dois egocêntricos durante um jantar inteiro-eu andava conforme a fila diminuía.

-Ah...bem não deve ser tão insuportável assim,aliás,eu ,Daniel e talvez o Ryan estaremos aqui para te fazer companhia-ela disse sorrindo convencida.

-Você não acha insuportável porque nunca teve que aguentar uma conversa dos dois de uma hora e meia,no seu quarto e com a ligação sendo no seu celular.

-Aposto que se inveja matasse,você já estaria morta,não é,Jessica?-uma voz calma,fina (e cínica) entrou na conversa-Supere o fato que sua irmã mais nova arranjou alguém decente e você não.

-Além de tudo que você já é,resolveu virar inconveniente também,Joanne?-Jeniffer disse sorrindo de um modo que quem observasse de longe e não nos conhecesse ,pensaria que éramos todas amigas inseparáveis.

-Vê se não tentar roubar o noivo,como você tentou roubar os namorados-disse ela ignorando o comentário de Jen.

-Eu nunca tentei roubar o namorado de ninguém,diferente de você,Jojo-a expressão dela alternou para uma surpresa mas logo voltou a ironia de sempre.

-Não me chame de Jojo! E eu não vou discutir quem tentou o quê,só fique longe do Tyler,amorzinho.-disse ela apontando-me o indicador.

-Nem precisava pedir.....Jojo-pisquei para ela e fui em direção a Meredith já que minha vez na fila chegou.

Meredith era a caçula dos irmãos,um ano mais nova que eu.Sempre quis disputar tudo comigo:desde atenção até namorados.Tudo isso apenas piorou com a chegada "ilustre" de Joanne em nossa casa,já que seus pais viviam em pé de guerra e não tinham a mínima condição mental para criá-la.

Meredith,entretanto,não era de todo mal,apenas era meio afetada e mimada demais pela nossa mãe,que acha a filha uma princesa santa e virgem.

Não mais,mamãe.

-Oi...hm...Jessie!-ela disse quando me aproximei.

-Olá,Meredith! Não precisa ficar com medo,eu sou sua irmã ,não tenho tendência canibal e por isso não vou te morder enquanto a Joanne não está aqui- eu disse brincando e ela soltou o ar preso aliviada.

-Certo...-ela riu e parou logo em seguida-Você não está brava comigo,está?- ela perguntou insegura,como uma criança que foi inocentemente mal educada e se desculpava com os pais.

-Eu?Tenho motivos?-perguntei surpresa tanto com a sua pergunta quanto com seu tom de voz inseguro.

-Assim...bem...eu vou me casar...quer dizer...você é a mais velha,deveria usar primeiro o vestido da mamãe e depois me passar,não o contrário-ela estava nervosa,piscava desnecessárias vezes.

A verdade é que ela ainda era aquela menina fútil e metida que adorava disputas,mas também era ainda a mesma menina ingênua e frágil de quando éramos crianças.A Meredith metida e fútil aparecia apenas com Joanne ao lado e chegando a esse ponto,a conclusão era que fazia muito tempo que eu não conversava com Meri sem a presença de Joanne.

-Não se preocupe.Estou mais feliz por você está noiva do que se fosse eu.Com certeza ficarei muito mais honrada se usar o vestido depois de você.-sorri para ela verdadeiramente em anos-Ah e parabéns ele é um cara de sorte.

Ela sorriu radiante e deu um obrigado baixinho no momento que a 'Jojo' apareceu.

-Estava aqui falando com a Jessica,como se comportar quando Tyler estiver aqui-Meri disse com o tom rude da 'Meredith Má'.

Respirei fundo,rolei os olhos,Joanne sorriu satisfeita e eu fui pro jardim esperar a Jeniffer parabenizar Meri, para andarmos sem destino por aí.

Ao terminar,Jeniffer disse que tinha a urgência de ir ao banheiro,então voltei para dentro em direção da cozinha para pegar uma maçã.Fui interrompida,entretanto.

-Você vem,não vem?Digo... ao meu jantar de noivado-ela disse rapidamente segurando-me pelo braço-Não vai inventar desculpas dessa vez,vai?

Eu não respondi,não estava no clima para esse jantar.

"Você tem um mês para me dar a resposta,pois se você não vier,eu desmarcarei o jantar até você aparecer-soltou meu braço e me deu um abraço demorado como não dávamos a muito tempo.Eu normalmente não corresponderia,mas esse era verdadeiro.

-Meredith,cadê você,hein?-Mamãe gritou e ela logo partiu o abraço com o susto,deu um sorriso-Um mês.-e correu para a sala.

É esse noivado está mudando pessoas,quem sabe eu não dou as caras nesse jantar.Mal sabia eu as reviravoltas que me aconteceriam em 1 mês.

"...since we found out that anything could happen.."

 

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...