Last First Kiss

Okay, o que falar da Carol? Provavelmente a pessoa mais complicada e confusa que exista no universo. Sua vida é uma bagunça, não tem nada que ela olhe e diga "isso está certo". Por que obviamente, se não consegue nem botar os pensamentos em ordem, imagina sua vida. Zayn, Liam, Louis , Niall e Harry , são esses seres que dai sentido a vida da garota. Ela faz de tudo por eles, assim como eles a amam como a irmã mais nova...

39Likes
83Comentários
14927Views
AA

1. A caixa de surpresas.

Quando me mudei pra mulingar, conheci Niall, loiro dos olhos azuis, magrelo, e com o coração do tamanho do mundo. Ele era tão amável e tão simpático que eu tinha sérias dúvidas sobre ele ser real. Ele tinha seus defeitos,claro, mas eram raras as vezes que eu os via. Teimosia e ciúmes, outro jeito de descreve-lo.

Quando a gente se conheceu, eu tinha 10 e ele 12 é desde então que somos melhores amigos. Não namorados ou qualquer outra coisa, infelizmente. No momento eu tinha 17 e ele 19.

-alo?- niall disse sonolento com a voz rouca, mesmo sendo 6 horas da tarde.

-oi panqueca- falei-vamos sair hoje, se arruma.

-ta. Vamos aonde projeto de anão?

-uma balada aí

- você sabe que não pode entrar em balada nenhuma ainda né?

-to nem aí, a gente entra junto

-já passo aí te buscar

Sorri e desliguei o telefone, e apenas coloquei o vestido, porque eu já tinha tomado banho, sabendo que niall diria sim. Era um vestido azul escuro simples, mas tinha mangas compridas e marcava a cintura.Passei maquiagem, preta batom vermelho, como sempre.

Niall pov

Normalmente eu ficaria bravo por ser acordado, mas era Carol (pronúncia-se "querrol") então nem liguei. Nós íamos sair, e apesar de eu não querer levá-la pra um lugar de maiores eu ia levar, porque ninguém impedia aquela garota.

Sai de casa as 7:30 da noite/tarde mas cheguei em menos de 10 minutos na casa dela, morávamos na mesma rua. Desci do carro sentido o vento frio no meu rosto, misturado com o perfume levemente forte dela, Carol estava parada na porta, sorrindo.

-oi- ela disse caminhando meio torta na minha direção- eu odeio saltos.

-oi- falei e ri dela quando tropeçou e se apoiou no carro- não acha esse vestido meio "quero dar"?

-para de rir, e não, não acho, aliás você Está lindo.

- você também. Só meio "quero dar".

Ela riu deliciosamente e entrou no banco do carona.

-eu chamei os meninos também ok?

-okay. O zayn vai né?- ela perguntou me olhando esperançosa, mas ao mesmo tempo não querendo ver ele.

-vai-"infelizmente" pensei, eles tinham uma relação estranha de amor e ódio e eu não gostava nada disso. Não era nada sério, mas eu me incomodava mesmo assim.

-ótimo- ela falou e ajeitou o sutiã, fazendo os peitos ficarem mais amostra.

Suspirei e saímos com o carro, os meninos já estavam na casa do harry, o que facilitou as coisas.

Carol saiu do carona e deixou que liam se senta-se ali, harry sentou na porta, louis no meio e zayn na outra porta, Carol se sentou no colo do zayn. Na maior "inocência".

-oi- ela disse animada

-oi- todos responderam com o mesmo tom.

-Carol, acho que você não tem idade pra entrar- Harry falou a analisando-mas eles vão te dar passagem, com certeza.

-pois é curly- ela falou e riu- eles sempre me deixam entrar.

Zayn's pov

Ficar meia hora com aquela garota no colo, sem poder fazer nada, era torturante, não sei se ela fazia propositalmente mas parecia que cada vez mais ela pressionava a bunda contra mim. Torturante.

Quando niall parou o carro numa vaga da boate e Carol saiu, senti uma mistura de alívio e tristeza. Se ela queria me provocar, estava conseguindo.

-zayn? Morreu?-louis disse me dando um tapa na nuca, e quando me dei conta, estava olhando diretamente pro decote em U dela, o que a fez enrubescer e tentar tampar. Essa era ela, as vezes doce as vezes amarga. Uma caixa de surpresas.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...