Cartas para você

Não é uma fanfiction. São várias dentro de uma só. Lembrem-se de deixar um comentário e/ou um like. É muito motivador para uma autora! ❤️

4Likes
0Comentários
200Views
AA

5. Eu errei e aprendi.

Meio que eu acordo de manhã todos os dias e me olho no espelho. O cabelo em pé, a típica cara de sono e os olhos inchados deixando bem visível que eu chorei até dormir. Ai, eu me encho de maquiagem para tentar esconder todo o meu desespero e saio de casa com um sorriso falso.

Passo o dia "bem". Fingindo sorrindo e atuando. Rindo, conversando "normalmente", mas sempre com o pensamento em você. Sempre em você.

Mas quando chega a noite, o escuro e os lençóis viram meus companheiros. Meu travesseiro, o confidente... E ali, eu choro descontroladamente até dormir e reiniciar essa "rotina".

Não adianta eu dizer que vou deixar para lá. Não, não adianta. Eu preciso mesmo deixar pra lá. Mas eu não consigo. O que eu sinto é grande o suficiente para dominar a minha vontade de te esquecer e tentar novamente, com outro amor, com outra pessoa.

Minhas amigas me falam, meu consciente me fala isso. Mas eu estou viciada. Viciada num amor que eu sei que não há a mínima chance de dar certo. Tentando, tentando. Perdendo o meu tempo com alguém que eu sei que não vai me dar atenção, não vai me dar amor... muito menos carinho.

Infelizmente, isso não importa pra você, não é? Você já me esqueceu faz tempo. Desde mim, já deve ter "usado" tantas meninas, tantas mulheres... E eu sofrendo por um cara como você.

Não devia sofrer por alguém como você, não mesmo! Tantos melhores e os meus olhos só enxergam o seu, tantos sorrisos mais bonitos e somente o seu me agrada.

As vezes me cai a ficha de que você é um erro em minha vida. Mas ai, eu paro pra pensar melhor e acabo me decepcionando novamente. Chorando novamente. Me escondendo novamente. Ninguém sabe o que passo. Nem você. Você nem deve saber de minha existência, não é? É, pois é.

Só para terminar, quero dizer que te amo. E te agradecer por tudo que me fez. Tanto bom, como ruim. Nas horas boas me fez sorrir, nas horas más me fez chorar e esses sorrisos e essas lágrimas me ensinaram muita coisa.

Eu te amo, até qualquer dia.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...