Pra te fazer lembrar

Mikaella e Ketlin são apenas duas jovens comuns que sonham encontrar um amor de verdade, mas até esse amor verdadeiro chegar, elas duas vão ter que enfrentar vários golpes da vida. Mas uma questão fica no ar: Será que uma grave perda de memória irá acabar com esse amor verdadeiro?

23Likes
28Comentários
23559Views
AA

32. Segundas intenções

Ketlin POV On

Estou parada em frente á minha cama com os três biquinis que trouxe. Não sei exatamente qual escolher . Todos são ótimos e com cara bem brasileira. O primeiro é o branco. A parte de cima é decorada com uma renda da mesma cor e é tomara que caia, a parte de baixo é branca e lisa, deixando o modelo bem discreto. Em seguida olho para o próximo: um pretinho tomara que caia traçado estilo um 8 deitado e com a calcinha com estampa de zebrinha preta e branco. E por último, observo o rosa salmão, o único com alças, e com tirinhas compridas e toda a parte cima. A parte de baixo é decorada com algumas tinhas na lateral para combinar o conjunto entre si.

Já provei todos mas não chego a nenhuma conclusão. Olho para a porta do meu quarto e decido ir no quarto de Mika, ela deve me ajudar. Prendo mais minha toalha no corpo já saindo meu quarto. Assim que dou o primeiro passo esbarro em uma pessoa e por pouco minha toalha não cai. Gelo na hora só em pensar na minha toalha no chão.

- Desculpa - digo arrumando minha  toalha. Quando olho para cima vejo que esbarrei em Niall. Ele olha para mim de cima a baixo e o vejo engoli em seco.

- Éh... O que você está fazendo de toalha pela a casa? - ele pergunta serio e sinto uma pontada de raiva em sua voz.

- Só estava indo no quarto da Mika perguntar uma coisa á ela - digo dando de ombros e passando por ele.

- Não quero que vejam você andando por aí apenas de toalha - reviro os olhos - Os amigos do Liam acabaram de chegar - Niall ciumento não!

- Relaxa, eles não vão fazer nada, e se fizerem, sei me cuidar - ele me olha ainda com reprovação mas apenas assente.

- Vai demorar muito ainda? Posso ficar te esperando la na sala.

- Não precisa. Pode ir para a piscina que já desço com a Mikaella - digo deixando um beijo em seu rosto e em seguida indo bater na porta de minha amiga. Niall concorda e sai em direção ás escadas.

20 minutos depois eu e Mikaella estamos descendo em direção á piscina. Conseguimos chegar a uma decisão juntas, até por que ela estava indecisa assim como eu. Estou usando o biquine branco, tomara que caia e rendado, junto com uma pequena canga preta quase que transparente. Mikaella, também está com uma canga igual a minha, mas branca, usa um biquine rosa pink do mesmo estilo do meu rosa salmão. Acho que esse modelo deixa ela com mais busto, enquanto o meu modelo, me deixa com mais bumbum ainda.

Assim que chegamos na cozinha, que dá em direção á piscina, já ouvimos as vozes dos meninos, e achando estranho, uma risada de menina também.

- Você sabe quem o Liam ia trazer? - Pergunto para Mika enquanto procuro alguma bebida na geladeira. Vejo uma coca e pego.

- Não faço ideia - ela dá de ombros - Me dá uma coca também? - Pego a bebida e entrego á ela.

Saímos com nosso refrigerante na mão, seguindo o som das risadas dos meninos. Eles estão no outro lado da piscina. Niall, Harry e outro dois garoto que não sei quem é, estão de costa para mim e Mikaella. Liam está na piscina junto com uma menina baixa e morena. Também não nos ver. Zayn e Louis estão pegando bebidas no freezer próximo á churrasqueira com outro garoto, e como estão longe, não no ver. 

- Sol, vem em mim, seu lindo! - Mikaella estende os braços com a intenção de pegar mais sol. Rio com sua cena.

- Calma que o sol não vai fugir não - falo e ela ri.

- Nunca se sabe. Vamos aproveitar logo - Mikaella ainda está com a cabeça levantada em direção ao sol e os olhos fechados mas continua andando. Não teria problema, caso ela estivesse sabendo por onde pisava. Quando estamos passando perto da onde Louis e Zayn com o garoto está, Mikaella tropeça em um pequeno enfeite de porcelana, me empurrando para o outro lado. 

Antes de cair no chão, sinto dois braços fortes me segurarem no ar. Sinto um frio na barriga com o susto e olho em direção á pessoa que me segurou. 

- Cuidado lindinha - seus olhos são verdes intensos, cabelos castanhos escuros e pele morena. Isso não teria importado caso ele não tivesse falado a frase em português.

- Des-desculpa... - Me endireito novamente, passando a mão em minha canga e olho nervosa para o garoto - Obrigado por me segurar.

Ele responde com um sorriso branco de dar inveja e prendo a respiração. O que está acontecendo comigo? Por que estou deixando que um moreno desses mexa com meus pensamentos? Quem devia ter me segurado era o Niall. Niall? Onde ele está? Percebo que enquanto discuto com minha própria mente, ainda encaro o garoto.

Desvio o olhar e olho em direção em que Niall está. Seus olhos estão em mim e no moreno que ainda não sei o nome. Ele está vermelho e sei que isso não é bom.

- Ketlin, me desculpa, não vi o pequeno duende de porcelana no chão - olho para Mikaella e apenas concordo com a cabeça.

- Tudo bem, o... - olho de volta para o garoto - Qual seu nome mesmo?

- Rodrigo - ele sorri e me pergunto se ele é sempre assim tão gentil.

- O Rodrigo me poupou de ir parar no chão.

Zayn e Louis estão ao nosso lado. Percebo que os dois estão vermelhos. Louis com vergonha? Nunca pensei que veria isso. 

- Por que vocês estão vermelhos? - pergunto desconfiada para eles.

- O que? Não estamos vermelhos - Louis fala e quando olho para Zayn, consigo ver ele dando uma rápida olhada para o busto de Mikaella. Arregalo os olhos e tento esconder um sorriso sem muito sucesso.

Mikaella também percebe e não perde tempo.

- Vocês dois podiam olhar para o meu rosto né? 

Balanço a cabeça, ainda rindo com a cena e vou em direção ao restante do pessoal.

Harry e Niall estão olhando de boca aberta em direção á mim e Mika. 

- Acho que chamamos a atenção deles - ela lança um olhar malicioso para mim e sorrio maliciosamente também. Os meninos não estão acostumados com as curvas das brasileiras e nem mesmo com nossas típicas roupas de banho. 

Antes que possa me sentar em frente ao Niall, ele se recompõe e já fala:

- Que cena foi aquela com o Rodrigo? E por que está usando essas roupas? - Nunca pensei que o Niall fosse tão ciumento. Me sentando, olho para ele sem demostrar sentimento algum.

- Não rolou cena alguma, o Rodrigo só me segurou para eu não ir parar no chão. - Foi como se eu não tivesse falado nada, Niall continuou a resmungar. Decido esperar até ele acabar com a cena. Quando enfim ele percebe que só escuto, para e pergunta:

- Não vai falar nada? Acha que estou certo?

- O que adianta eu falar sendo que você não vai me ouvir? - Vejo os outros dois garotos nos olhar com certa curiosidade. Talvez não deva saber de mim e de Niall. Niall também percebe e se levanta.

- Vamos conversar lá dentro.

- Não sabia  que isso era tão serio. - falo mas sigo-o - Niall, para com essa cena de ciúmes, não vejo o porque disso - Ele para na sala, onde ele se vira para mim, esperando que eu fale algo mais.

- Por que você ta fazendo essas cenas de ciúmes?

- Ciúmes? Não estou fazendo cena nenhuma. Só não quero ver você nos braços do Rodrigo e muito menos com essas peças. - Ele aponta para meu corpo - Ketlin, você está quase nua!

- Desculpe decepciona-lo mas não aceito ninguém falando o que devo vestir. E pelo o que eu saiba, a Mikaella está vestida igual a mim.

- Sim, mas a Mikalla não tem namorado. Você sim.

- Niall, não estamos na rua. Só estamos curtindo o sol raro de Londres. Não dá para você apenas curtir?

- Eu curtiria muito mais se você trocasse isso. - Reviro os olhos e me jogo no sofá. Niall não vai mudar de ideia. Nem eu.

- Não vou trocar de roupa - Ele me olha furioso. Não pensei que Niall fosse tão ciumento.

- Sério, não vai dar certo se tudo o que eu falo, você discorda. - ele está falando sério?

- Eu discordo no que? Por você está sendo patético? Ciumento? Não sei se você sabe mas não aceito ninguém dizendo  o que  devo ou não fazer ou usar. - grito me levantando. Estou com muita raiva e Niall pode ver isso - Já que você disse que não pode dar certo, então acho melhor pararmos por aqui. - Ponho a mão na boca assim que termino a frase, não pude controlar as palavras que saíram. Tudo bem que estamos brigando mas terminar seria muito. 

- Cala boca! - Niall fala sério mas vejo um espanto em seus olhos azuis.

- O quê? - falo indignada com o modo dele falar comigo. Ele dá alguns passo á frente diminuindo nossa distância e logo repete:

- Cala boca - Em seguida, suas mãos estão na minha cintura e sua língua invade minha boca , me espanto com sua mudança. Sinto um gosto de álcool adocicado por conta da bebida de morango que ele estivera bebendo. Seu beijo não está calmo como todas as outras vezes. Sinto um desejo e medo que jamais senti. Uma de suas mãos descem até minha bunda apertando e me colando ainda mais ao seu corpo, na mesma hora sinto sua ereção. Seu desejo em mim. Nossos lábios se sapara e ele desce até meu pescoço. Me arrepio completamente na hora.

- Nunca mais diga que vai me deixar - Ele diz e sinto seu hálito quente na minha pele. - Você me pertence e eu pertenço á você - Apenas concordo com a cabeça. Meus olhos estão fechados e só consigo sentir um desejo cada vez mais forte crescendo entre minhas pernas. Niall me joga no sofá e fica em cima de mim.

Me lembro na hora onde estamos e alguém pode aparecer. Não que estejamos fazendo algo errado mas mesmo assim, não sairia bem.

- Niall... - tento pedi pra ele parar mas bem na hora sinto um chupão no pescoço e esqueço do que iria pedir. Sem me controlar, ponho minha mão em sua ereção e aperto de leve. Niall suspira próximo ao meu ouvido e me deleito com isso. Sua boca volta á encostar na minha e sinto sua mão subir para um dos meu seios enquanto a outra tenta tirar minha canga. - Niall acho melhor...

- Shh... - Ele continua me beijando e sinto minha canga cair ficando apenas com a roupa de banho na sala. Ele coloca a mãos por cima da parte de baixo do meu biquíni, começando a fazer caricias lá. Jogo a cabeça para trás soltando um pequeno gemido. Com a mão ainda em sua ereção, passo para dentro de sua sunga e começo á masturba-lo assim como ele faz comigo. Ele solta outro gemido, ainda mais alto. Sinto seus dedos entrarem para dentro da minha calcinha e uma onda de prazer ainda maior me invade. Sua cabeça se encaixa na curva do meu pescoço e assim ficamos até atingimos o ápice

Assim que abro os olhos novamente, tomando consciência, vejo que ainda estamos na sala e felizmente vazia. Saio debaixo do Niall e me levanto em um pulo.

- Meu Deus, fizemos isso aqui! - olho de volta para Niall e ele está sentado com um sorrisinho no rosto - Não ri, e se alguém tiver visto? - Me sinto corar e Niall percebe.

- Se alguém tiver visto, resolveu não atrapalhar - Ele se levanta vindo em minha direção e me abraça - Desculpa, não consigo controlar meu ciúmes - Ele diz e eu concordo com a cabeça.

- Odeio que mandem em mim. Não quero que você se torne uma dessas pessoas.

- Pode deixar. Tentarei controlar á partir de hoje.

Como dizem: Depois de um temporal, sempre vem uma calmaria. Eu só não sabia que a tempestade ainda estava caindo.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...