Pra te fazer lembrar

Mikaella e Ketlin são apenas duas jovens comuns que sonham encontrar um amor de verdade, mas até esse amor verdadeiro chegar, elas duas vão ter que enfrentar vários golpes da vida. Mas uma questão fica no ar: Será que uma grave perda de memória irá acabar com esse amor verdadeiro?

23Likes
28Comentários
23585Views
AA

21. Decisões

Mikaella POV ON

Acordo disposta a dar uma volta em algum parque, já que os meninos tiveram que sair cedo e Ketlin ainda está dormindo. Não vou demorar muito, só quero pensar. Saber o que eu realmente sinto e ter certeza disso.

Quando saio de casa, um sol tímido aparece entre as nuvens. Não estar muito frio mas visto uma camisa xadrez de manga e calças jeans. Vejo poucas pessoas começando mais um dia de trabalho. Minutos depois chego ao parque e como esperado, está vazio. Perfeito!

Sento-me em um dos bancos e começo a pensar em Harry. Como uma pessoa que eu pensara ser apenas um ídolo passou a ser aquela que tenho vontade de ter por perto? Nem eu sei a resposta. E ainda por cima tem o Liam. Eu gosto dele e se não fosse pelo o que eu sinto pelo o Styles, eu poderia me comprometer tranquila com o Liam. O pior de tudo é que os dois são amigos  e não quero estragar uma amizade, que querendo ou não compromete o trabalho dos dois, já que tocam numa banda.

Tinha até me esquecido da tal Luana, eu posso está errada mas ela tem algum segredo e bom que não é, e o pior ainda é que o Harry Idiota Styles acredita nela. Só queria uma prova, uma prova que fazeria toda a ideia tosca dela ir por água a baixo. Acho que quando voltar, irei pedir ajuda a Ketlin; ela saberá o que fazer.

Olho a hora e vejo que já passei quase uma hora pensando. Decido ir embora e já com uma decisão tomada. Não quero magoar mais ninguém.

Quando chego em casa vejo que os meninos já chegaram e voou atrás do Liam, preciso conversar com ele. 

- Bom dia! - Ketlin fala sentada na mesa ao lado de Niall e Louis comendo.

- Bom dia povo. Vocês sabem do Liam?

- Vi ele subindo, acho que estava te procurando - Louis responde dando de ombro.

- Ok, obrigado - digo subindo as escadas em dois e dois degraus.

Quando subo dou de cara com o Liam já saindo do seu quarto.

- Finalmente te achei, onde você estava? - ele pergunta

- Fui dar uma volta pelo parque, pensar um pouco já que levantei cedo demais. - explico - Liam, preciso falar com você.

Sua curiosidade é evidente.

- Qual o problema Mika?

- Vamos entrar, é melhor - percebo que começo a suar, minhas mãos estão frias. "Vamos, você consegue Mikaella", falo comigo mesma.

Entramos meu quarto e fecho a porta, em seguida sento de frente para ele e começo:

- Liam, andei pensando na nossa relação. Isso é muito difícil de falar então peço só para me ouvir primeiro. - ele concorda silenciosamente - Desde o começo da nossa relação, você se  mostrou uma pessoa maravilhosa, o verdadeiro Liam pelo o qual o imaginei. Até esse momento você teve a paciência comigo que nenhum outro teria, soube que eu poderia está gostando de outro mas mesmo assim não me deixou sozinha, pois sabia dos meus sentimentos por você também, mesmo não podendo serem iguais. Acho que não é segredo para você que sinto algo também pelo o Harry. Mas não deu certo com ele por causa da Luana. Isso não quer dizer que não sinto nada por você. Estou num ponto que me sinto dividida e não gosto disso. Não quero magoar você nem os outros que estiverem por perto disso. Também não quero estragar uma amizade que vale mais do que isso que nós temos. Passei alguns dias adiando isso, mas não dá mais, preciso terminar com você. Mas antes que você fale algo, não, eu não vou ir correndo para o Harry, também não quero magoar ele. Vou ficar no meu canto e ser só amiga de você.

Nesse ponto, depois de falar todas essas palavras, já estou chorando, chorando pelas minhas palavras e ainda mais pela a reação do Liam, que está sentado com a cabeça abaixada entre suas mãos.

- Liam...

- Não, agora é minha vez de falar. - ele se levanta e vejo lágrimas nos seus olhos - Eu sabia que você sente algo pelo o Harry, algo que não é igual ao que você sente por mim, mas não esperava que você fosse terminar comigo assim, agora.

- Se eu não terminar agora com você, vai ser muito pior, chega disso do que eu estou fazendo. - falo e ele continua:

- Eu queria  muito falar que está tudo bem e que eu também estou bem mas não dá, você acabou de chamar nossa relação de isto. Como você acha que estou me sentindo? Usado é o mínimo do que eu posso dizer. Posso tentar entender sua decisão mas preciso de um tempo longe de  você.

- Eu...

- Sério Mikaella, escute, eu não quero sua pena, nem as dos outros, mas só te peço: Me dê o meu tempo, assim como você também deve precisar do seu, prometo que nada vai mudar entre nós, continuares amigos, mas por enquanto... - ele não consegue terminar de falar. Abraço ele com toda minha força. Como sempre ele foi capaz de entender o meu lado, mesmo eu estando errado em todos os sentido. Sussurro baixo:

- Obrigado.

Largando ele, só vejo um sorriso que não alcança seus olhos e sai do quarto de cabeça baixa. Eu juro que nunca uma cena dessa doeu tanto em mim.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...