Night Changes

Será que é capaz de um amor nascer da noite para o dia? Para alguns isso é impossível, ainda mais se odiamos essa outra pessoa. A partir do momento em que Annye passa a conviver com a pessoa que ela mais odeia, isso tudo mudo e sim, um amor é capaz de nascer da noite para o dia. Até porque, a noite sempre está mudando.

5Likes
1Comentários
626Views
AA

4. Sugeira

Fomos correndo até o mercado e compramos o chocolate, só tinha eu e o Harry naquela hora no lugar e todos os funcionários que estavam trabalhando, olhavam pro Harry vestido de mulher. Sério, eu fiquei com vergonha alheia.

Enquanto eu estava andando com o Harry procurando pelo chocolate e olhando pelos os lados, não vi uma coluna de ovos. Resultado: todos se quebraram ao cair em cima de mim. 

Harry parou aonde estava e começou á rir de mim sem parar, os funcionários do mercado foram ver o que era e também começaram á rir. Os únicos que não achariam graça seria quem iria limpar aquela sujeira toda, pensei meio amarga. Levantei toda dura e com nojo de mim mesma, eu estava fedendo muito á ovo. 

Me levanto e olhando mais acima vejo um relógio. Marca 4:00 hrs da manhã. Meu Deus, como o tempo passou tão rápido? Me viro e vejo que Harry ainda está rindo de mim e eu realmente não estou achando engraçado. Sério, por que isso tinha que acontecer logo comigo?

Vejo uma mulher chegando perto de mim, é uma das funcionárias do mercado, me olhando com uma cara feia, ela disse:

 - Eu sei que você está toda suja, querendo ir logo pra casa, mas eu tenho que te dizer que infelizmente hoje é a folga da nossa faxineira da parte da manhã e como você sabe, já é quase de manhã e os clientes já já chegarão, então resumindo tudo...

- Eu vou ter que limpar isso tudo antes do próximo turno da faxineira? E ainda desse jeito, toda suja? - concluo

- Lamento, mas é isso mesmo - ela disse com um olhar de dó

Enquanto isso, Harry está tentando parar de rir ,querendo parar de rir, mas fracassando nessa tentativa. Até ele? E não tinha outra saída, ou eu limpava agora ou eu limpava quando tivesse mais pessoas vendo esse mico.

- Tá bom, pode ir pegar as coisas que eu vou limpar - eu disse - Harry pode ir indo pra casa, leva o chocolate e quando eu terminar aqui eu vou.

- Não, nada disso, eu vou ficar aqui com você - ele disse parecendo sério novamente.

- Harry... Aproveita enquanto está de noite, assim que eu terminar eu vou pra casa e depois passo no seu apartamento.

Ele para por um momento, pensando um pouco se vai ou não para casa e por fim concorda.

- Ta bom, mas acaba logo e vai mesmo lá pra casa. Vou te esperar.

- Ok. E avisa para o Liam os problemas que passamos, ele deve ter nos esperado a noite toda, estou morrendo de sono, além de eu estar toda fedorenta. - Parei de falar tendo uma ideia.

- Harry, meu amor, vem cá me dar um beijo nessa sua linda namorada!

Harry engoliu em seco, olhou pros lados e depois pra mim, que sorria pra ele. E então deu de ombros e veio na minha direção inesperadamente.

- Claro linda - Parei me afastando dele.

- Eu pensava que você não ia vim - eu disse claramente surpresa.

- E porque eu não viria? Só porque você está toda suja de ovo, fedendo á podre e tudo mais?

- Você me deixou bem melhor agora, nossa, de verdade - Me afasto dele. Estou me sentindo muito mal com esse vestido e essa sujeira toda.

- Se acalma, eu vou chamar alguém pra vim arrumar essa bagunça no seu lugar e você vem pra casa agora, comigo linda. - Ele diz depois que percebe minha raiva.

- Sério, melhor coisa que você pode fazer. Me tira daqui logo, por favor.

- Espera só um minuto, vou ligar para a Kátia vim aqui limpar essa bagunça. - ele disse

Eu fiquei esperando enquanto ele falava com a mulher e pensando em tudo que eu me meti em só 24 hrs, meu Deus!

 Eu estou com um caso (não definido) com o Harry!!. Mas será mesmo que o Liam está á fim de mim e eu não percebi nada? Se for verdade, o que eu devo falar para ele? É melhor eu pensar nisso só depois quando eu chegar em casa, tirar essa roupa horrorosa e dormir um pouco.

Meus pensamentos dão uma pausa quando vejo Harry vindo em minha direção, com aquele sorriso lindo dele.

- E então, conseguiu falar com ela? - perguntei

- Sim, já está a caminho. Katia salvando nossa pele. Podemos ir indo.

- Até que fim! Mas vamos andando?

- Sim, é rapidinho nós chega em casa.

Saímos do mercado, sorte nossa que só tinha uma menina que estava entrando no mercado, mais ninguém passava pela rua. A parte ruim dessa menina é que parecia que ela conhecia o Harry, porque ficou parada encarando ele. Harry foi gentil e tentou ajudar a menina.

- Ei, você está bem? Precisa de ajuda? - perguntou ele

- OMG! vc é o Harry da 1D?

- Ah sou sim - disse ele todo convencido. Menos Harry, penso comigo mesma.

- Eu sou uma directioner, quer dizer eu sou a sua namorada e futura esposa - ela disse seriamente convencida disso. Sério isso?

Harry engoliu em seco e deu um sorriso amarelo pra mim, como se falasse: "eu mal conheço essa garota". Apenas dei de ombros.

- Ah, que amor você. Mas que te apresentar minha namorada, a Annye, essa linda que esta ao meu lado -Disse ele e me derreto com essa palavras.

- O quê? Você está me traindo, e ainda com uma menina que parece mais uma galinha, sente só o cheiro dela!

Ah não, agora ela pegou pesado, como ela se atreve...

- Querida, lamento informar que o Harry prefere eu com esse cheiro, do que você, com essa cara de coco de boi.

- Ah sua... - ela começou, mas Harry se meteu no meio de nós duas

- Vamos embora amor, e desculpe ...Como é seu nome mesmo?

- Fernanda! - ela disse com uma voz fresca para o Harry.

- Desculpe Fernanda, mas eu gosto mesmo da Anny, tenha uma boa noite ou um bom dia.

Saímos e fomos direto para o apartamento. Mas novamente, entrando pela portinha. Harry entrou primeiro e depois eu fui. Eu não tinha me dado conta que ele não estava mais com as roupas de mulher. Como ele tirou sem eu ver?

- Hazz, cadê as roupas de mulher que você estava usando, quando tirou elas?

 - Ah é, quando terminei de ligar para a Kátia, fui ao banheiro e tirei, estava me sentindo uma boneca. Eca!

  Rio da cara dele. Subimos as escadas até o apartamento dele. Eu estava apreensiva pra saber o que o Liam ia achar da nossa demora. Ele nem imaginava as encrencas que eu e Harry nos metemos.

Por sorte, Harry levou as chave. Quando abriu a porta, viu dois policiais na sala conversando com o Liam

 e os outros meninos...

- Oh-oh...

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...