The Lost JEWEl

Diz-se que o amor e para sempre. Mas o amor de David e Sara vai ter muitos obstáculos a ultrapassar. Descobrir que raptaram a filha e mentiram ao dizer que tinha morrido no parto, deixa qualquer casal chocado, magoado. Será que vão David e Sara achar a sua jóia perdida....Matilde. Leiam por favor :D

1Likes
5Comentários
1719Views
AA

10. Then ... I'm Pregnant

Depois daquela noite, não podia pedir mesmo nada. O David foi um querido comigo. Acordamos os 2 juntos.
" bom dia" disse ele para mim
" bom dia acordas-te bem?" Disse eu
" se eu acordei bem? Muito bem!" Disse ele olhando para mim 
" ah tens que saber uma coisa!" 
" o que?" Disse ele 
" foi a minha primeira vez. E foi muito especial!" Disse eu tímida
" a serio? Mesmo? Ainda bem que fui eu pois amo-te muito " disse ele
" eu também te amo. Mesmo muito!" Disse eu
" mas agora tens que voltar para casa!" Disse ele
" não. Não David. Não me peças isso. Não quero. Mesmo!" Disse eu apavorada
" pensa na tua mãe, Sara, ela não merece por muito que detestes o teu pai agora!" Disse David
" tens razão, mas deixa-me passar a manha contigo! Por favor!" Pedi eu olhando para os olhos dele
" ok. Mas depois promete-me que vais para casa! Sim?" Disse ele
" sim" disse eu abraçando-o

Eu e o David, fomos a tantos sítios. À praia, comemos um gelado, rimo-nos. Parecia que estava noutra vida.

Em minha casa:
" aquela rapariga. Ela vai ver quando voltar!" Disse meu pai
" tenha calma!" Disse minha mãe
" pai tenha calma sente-se!" 
" a sua irma e uma mal educada, ela nunca foi assim, ela tem de estar com alguem para falar assim. Mal . Nem parece minha filha!" Disse meu pai
" Francisco, tenha calma ela e adolescente, já sabe como e!" Disse Lourenço
" quando ela voltar, ela vai ficar de castigo ate sempre!" Disse meu pai indo para o escritório
" porque que a sua Irma fez isto!?" Disse minha mãe
" mãe? O pai anda a trata-lá bem? Os pais andam?" Perguntou minha Irma
" sim, quer dizer não sei filha por favor não me meta nisso!" Disse minha mãe saindo para o quarto
" tem calma mor! Ela vai voltar!" Disse Lourenço abraçando ainda Irma

Era inicio da tarde e David tinha-me levado ate inicio da minha rua. Estava cheia de medo de Voltar.
" vá vai lá! Se precisares liga-me com cuidado! Por favor fala com calma! Ok?" Disse David
" sim. Obrigada por tudo o que passei agora e esta noite!" Disse eu dando-lhe um beijo
" eu amo-te Sara! Sempre, mas vai lá!" Disse ele 
E eu então fui dizendo-lhe sempre adeus.

Entrei em casa e estavam lá todos.
" graças a Deus!" Disse minha mãe
" Sara, onde estives-te?" Perguntou minha Irma
Eu estava toda suja, com o mesmo vestido, só conseguia olhar para o chão. 
O meu pai ia me bater, quando e repente ouve minha Irma
" pai!" 
" não me vai bater pai? Porque? Por estar aqui a sua filha preferida? Não seria a 1 vez que ele me batia sabes nina? Tens que ver melhor o pai que tens!" Disse eu
" vá para o seu quarto, só sai de lá para vir fazer as suas refeições! Nunca mais vai voltar a desobedecer. Entendeu? Se não eu juro que lhe faço um correctivo!" Disse meu pai bravo
E eu lá fui! Para o meu quarto, deitei-me na cama, por um momento. Queria tanto que aquele filme acabasse e começasse outro melhor!

4 dias depois, continuava fechada em casa. Meu pai não me deixava sair. Nem para ir fazer o exame para entrar para a faculdade. Agora tinha que esperar pela 2 via. Só que não era só isso. Eu sentia-me diferente. Desde ontem que estava enjoada e vomitava. Tinha tonturas. Só que ninguém se apercebia pois eu só estava no meu quarto. Minha mãe vinha deves em quando e a nina mas, isto era estranho. Mas eu tinha uma impressão e de certeza que estava certa. Eu e o David naquela noite não tínhamos tomado nenhuma precaução. Eu só tinha de arranjar um teste de gravidez. Mas e se eu estivesse? Meu Deus como iria explicar aos meus pais? Foi então que dicidi ligar a Lolita 
" estou Lolita?" Disse eu
" diz sara! Sara não podes me estar a ligar. Se o teu pai te apanha!" Disse ela
" tens que me ajudar, Lolita! Eu ah preciso de um teste de gravidez!" 
"O que? Um test...oh meu deus, Sara o que fizeste?" Disse ela preocupada 
" ouve, sabes a noite em que fugi nos meus anos. Lolita, eu foi ter com o David e fizemos, percebes?" Disse eu indo para a varanda
" oh meu deus? E agora o que vai ser? Espera eu faço-te chegar o teste. Eu vou já! Rapariga o que fazes!" Disse Lolita
" obrigada. Amiga" desliguei eu

Tocaram a campainha e Marília foi abrir 
" boa noite. Ah. Eu preciso mesmo de entregar este livro à Sara. Pode ser?" Disse Lolita
" não a Sara não pode ver ninguém!" Disse meu pai
" e mesmo importante este livro. E um álbum meu e queria muito de lho dar. Por favor." 
" vá lá Francisco. E rápido. Sobe Carlota" disse minha mãe
" 20 minutos nada mais !" Berrou meu pai
Lolita bateu e entrou no meu quarto
" então trouxeste?" Perguntei eu
" Sara tu não tiveste cuidado? Por amor de deus Sara" disse Lolita
" Lolita. Foi sem pensarmos. Eu adorei. E sei que ele adorou. Ele e o homem da minha vida." Disse eu sorrindo
" pois e como vais dizer aos teus pais?" 
" não sei mas como e que isto se faz?" Perguntei eu

Depois de ter feito era preciso esperar 5 minutos. Eu estava na janela a roer as unha e Lolita esta no outro lado da cama. 
" já passaram os 5 minutos sara!" Disse Lolita pegando no teste
" calma. Tenho que respirar fundo" disse eu
" ok vá inspira, expira! Ok? Vá" disse Lolita
Eu olhei para o teste e fiquei chocada depois olhei para a Lolita..
" deu positivo Lolita!"

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...