The Lost JEWEl

Diz-se que o amor e para sempre. Mas o amor de David e Sara vai ter muitos obstáculos a ultrapassar. Descobrir que raptaram a filha e mentiram ao dizer que tinha morrido no parto, deixa qualquer casal chocado, magoado. Será que vão David e Sara achar a sua jóia perdida....Matilde. Leiam por favor :D

1Likes
5Comentários
1716Views
AA

13. The first days

Lolita e tomas, olharam um para o outro.
" eu não acredito que ela fez isto! Oh meu deus!" Disse tomas
" o que ela foi fazer!" Disse Lolita
" ela fugiu com a aquele chunga. E se ele lhe faz mal?" Disse tomas
"Tu estas maluco? Ele é boa pessoa!" 
" aí e já o viste? Temos que encontrar a Sara! Ou temos que dizer ao pai dela!" Disse tomas
" nem penses tomas, se ela sabe que tu disseste ao pai dela que tiveste contacto com ela, ela não te perdoa." Disse Lolita
"Então que vamos fazer?" 
" não sei! Mas temos que a apoiar! A Sara é a nossa melhor amiga! Eu sei que ela está em boas mãos. Eu sinto!" Disse Lolita 
" tu sentes!" Disse irônico tomas

De volta a minha casa, estavam todos muito nervosos. Ate que o inspetor Marcelo apareceu.
" bom dia doutor, obrigada por ter vindo!" Disse meu pai apontando para o sofá
" a sua mulher já me disse o que se tinha sucedido. Lamento dizer que temos que esperar 24 horas, para começar-nos as buscas!" Disse o inspetor
" 24 horas? Não doutor! Tem que procurar a minha filha!" Disse minha mãe chorando
" não posso fazer nada.." 
" doutor, nem se eu lhe pagar mais.." Subornou o meu pai como sempre
" lamento doutor bacelar!" Disse o inspetor
" então o que podemos fazer ate passar essas 24 horas?" 
" deixar disponíveis todas as linhas telefônicas de casa e da fabrica do doutor. Amanha se a menina Sara não aparecer começamos as buscas, o mais depressa possível." Disse o inspetor


Eu estava encostada a uma pedra, a olhar para a vista do mar, sem ninguém. Um silêncio enorme.
David apareceu com o casaco vestido e com o capuz.
" ui. Cheguei linda! Trouxe, muita comida para ti! Trouxe pão, bolachas das que eu gostas e uma coisa que te vai consolar a ti e ao nosso filho, gelado!" Disse David chegando-se perto de mim
" ótimo!" Disse eu triste
" então? Que se passa sara?" Disse David
" nada, só estou aqui a pensar que a esta hora a Lolita e o tomas estão a fazer o exame para entrar para a faculdade e eu não! O que eu mais queria!" Disse eu
" mas ninguém te está a impedir de o fazer! Sempre podemos voltar!" Disse David
" não! Eu não quero voltar! Não percebo porque insistes nisso! Não vou voltar! Parece que estas obrigado a estares aqui comigo!" Disse eu levantando-me
"O que? Tu não tens o direito de dizer isso, Sara! Eu estou aqui porque quero! Porque quero estar ao teu lado e ser pai dessa criança. Se eu não quisesse eu não estava aqui! Não roubava a nani o que eu nunca fiz" disse David zangado
Ficamos a olhar um para o outro em silêncio.
" desculpa! Desculpa!" Disse eu indo abraçá-lo
" nunca mais digas isso! Por favor! E a faculdade, nos vamos arranjar um jeito! Tu ainda hás-de ser uma enfermeira linda cheia de talento!" Disse David abraçando- me
" desde que esteja contigo!" Disse eu


Na minha casa:
Estava tudo em silêncio, nina estava com Lourenço no jardim
" mais calma?" Perguntou ele
" ainda não acredito! A minha irmã, saindo de casa! Eu nas ferias e ela aqui fechada! Esta casa tem um ambiente pesado. Ainda bem que o meu irmão não esta ca!" Disse nina
" ouve mor! Tu tens que ter força! E o que foi aquilo ao bocado?" Perguntou Lourenço 
" tu não vês? Não vês como ele trata a sara? Como ele humilha-a por ela não estar a par dos negócios da fabrica como nos! Por ela ter uma opinião diferente!" Disse nina chorando
" de certeza que não é isso! O teu pai ama-vos muito!" Disse Lourenço
" pensava que sim! Mas, já não sei! Ainda por cima, a Sara pensa que sou igual, que sou má. Ela tem toda a razão! O meu pai nunca foi assim comigo! Porque? Porque eu sempre quis saber mais da família, sempre quis negociar uma fabrica do meu pai! Eu e o meu irmão somos assim! Mas a Sara não. Ela é diferente! E o meu pai acha que isso é mau! Por isso é que ela sempre me odiou, a mim e ao nosso irmão!" Desabafou nina
" tem calma, mor! Vá anda cá!" Disse Lourenço oferecendo um abraço

Dentro de casa, estava meu pai e minha mãe.
Estavam calados, meu pai estava a ler o jornal e minha mãe estava a olhar muito seria para o chão.
" minha senhora o jantar já esta pronto!" Disse Marília 
" vá vamos comer, Manuela!" Disse meu pai
" eu não tenho fome" disse minha mãe
" não comece, Marília vá chamar a minha filha e o Lourenço!" Disse meu pai
Eles sentaram-se na mesa e comeram sem falar, no inicio.
" como e que consegue estar aí sem dizer ou fazer nada!" Disse minha mãe
" o que quer que faça? O inspetor disse que não podemos fazer nada durante 24 horas. E vai ver que isto é só uma cena para chamar a atenção!" Disse meu pai
" não sei pai! Eu também fugia se tivesse a idade dela e vivesse assim nesta família. Eu não tenho fome vou para a cama!" Disse nina
" nina, espere deixe-me explicar querida!" Disse meu pai
" eu vou ter com ela" disse Lourenço
" eu não devia ter permitido isto! Nunca!" Disse minha mãe
" permitido o que? O que era de si sem mim! Nada! Só sou eu que trabalho nesta casa! Você nunca vai poder dar moral! E eu sei educar os meus filhos!" Disse meu pai irritado
Minha mãe calou-se e continuou a comer.

Revolta ao meu esconderijo com David.
Eu estava a comer, estava mesmo a comer muito. O gelado que David tinha trazido estava quase no fim.
" estavas mesmo com fome, linda!" Disse David
" nem imaginas, e ainda vou nos primeiros dias!" Disse eu rindo
" mas não podes comer só gelado! Eu tenho de ir a um sítio onde sei que ninguém nos conhece, para arranjar comidinha da boa para ti e para o nosso bebe!" Disse David me beijando
" não te preocupes agora, só quero estar contigo!" Deitou-se sara nas pernas dele
" já pensas-te?" Perguntou David
" no que?"
" tu vais precisar de ir a um médico! Tens que ver quantas semanas tens e isso! Precisas de ser vigiada! Como vamos fazer?" Disse David
" sei lá! Talvez fale com a Lolita!" Disse eu
" e com o tomas?" Disse David 
" não! O tomas, ele é muito meu amigo mas as vezes...olha prefiro contar só a Lolita! Eu sei que ela nos vai ajudar!" Disse eu

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...