Deep Words

O verao e sempre bom. Mas para a vida de Carolyn este foi o que lhe mudou a vida. Carolyn conhece um rapaz este Verao e como e o seu primeiro amor nao pensa e quando da por si esta gravida. Quando volta para casa tudo e diferente ate que conhece rodrigo(harry styles) e a sua vida voltara ao normal?

4Likes
9Comentários
2652Views
AA

5. First impression

Bryan estava perto da entrada, com os seus amigos novos Nelson e Vasco
" e verdade Bryan, tu disses-te que vinha alguém para EC para o mês que vem..." Disse Nelson, jogando a bola
" e pois e, e um amigo meu. Ja somos amigos a 3 anos. Vocês vão gostar dele e um rapaz muito divertido"
disse Bryan
" olha e verdade como e que e com o grupo de estudo?" Pergunta Vasco
" aí meu e tu que não pensas em mais nada" disse Nelson
" olha por mim podemos começar em minha casa, tem e que ser este domingo só porque..."
Bryan para de falar quando vê entrar duas raparigas todas produzidas, com o nariz empinado.
" olá escola" disse Armando-se
" bem isto esta mesmo esquisito" disse a sua melhor amiga Courtney
" vai mudar...." Disse Charlene com o seu ar de vila
Charlene e Courtney era duas primas com a mesma idade, 21, que tinham acabado de chegar, de uma viagem importante com o Mateus. Mateus que era vice presidente da EC e pai de Charlene e tio de Courtney.
De volta a Bryan, Bryan viu chegar essas duas raparigas e focou-se nelas
" esquece mano, elas não são para a tua camioneta" disse Nelson voltando a dar toques na bola
" o que meu? Não gosto de patricinhas, mas aquela fé cabelo castanho eu conheço...mas mão sei de onde" disse Bryan
" olha só se for nas revistas elas estão sempre lá, para além do pai ser vice director desta escola, a mãe e modelo profissional e cara da revista vogue."
Disse Vasco, pondo as folhas na mochila
" que estranho, detesto quando isso acontece" disse Bryan
" bem nos podíamos era ir almoçar, isto esta a dar as voltas" disse Nelson apontando para a barriga
" ya mas vocês vão indo, eu vou ver a minha Irma e depois vou ter com vocês" disse Bryan pondo a mochila nas costas
" bem a tua Irma não e tão pequena, mas eu percebo.." Disse Nelson 
" tu es um totó"

Em casa estava Mitchell, na sala olhando para uns papeis.
" aí, por hoje já chega, Christine" disse pousando as folhas e chamando a empregada
" sim menina já trago aqui um chazinho, espero que não esteja quente demais"
" aí, tu lês sempre a minha mente." Rindo-se
" a menina trabalha tanto por, devia trabalhar menos. A menina ainda e muito nova" disse Christine pousando a chávena
" pois pois...mas eu adoro trabalhar e a minha reunião com os novos produtores esta a chegar e eu preciso de encontrar uma modelo para dar a cara da nova colecção" disse Mitchelle
" tabem menina, mas eu sei que também esta muito ansiosa pelo nascimento do seu sobrinho" disse Christine sentando-se
" pois estou...aí mesmo ansiosa. Sempre pensei ser primeiro mãe que ela mas...estou muito contente" disse pegando na chávena.
" então podia ir as compras com a sua Irma, este fim de semana. Que acha??"
" olha pode ser. Vou seguir o teu concelho. Mas amanha por favor lembra-me se eu me esquecer em ir visitar a kayra e o Dylan pode ser??" Disse Michelle dando a mão a Christine
" bem menina se não precisa de mim agora eu vou aproveita do e ia agora as compras pode se?"
" claro que sim..vai lá" rindo-se

Carolyn estava no corredor, no entanto ouviu barulho no corredor ao lado. Foi ver, era os dois rapazes que foram contra ela na tarde passada.
Rodrigo e beto estava a pintar a parede de uma das salas. Melhor dizendo a gravitar. Carolyn não podia acreditar no que estava a ver. Pousou a mala no chão e foi devagar ate perto deles.
" ...utiliza o azul, pega" disse beto atirando a lata ao amigo
Carolyn para e os dois amigos olham para ela
" tu, outra vez betinha." Disse Rodrigo 
" o que e que vocês estão a fazer?!" 
" olha estamos a pintar aqui esta parede fica tão feia sem nenhuma cor, queres ajudar??" Disse beto
Beto e Rodrigo riram-se
" vocês estão malucos parem com isso ou eu vou chamar alguém" virando-se e tentando ir-se embora
" nao me parece" disse Rodrigo agarrando o braço dela
" se disseres alguma coisa a alguem, a tua vida aqui nesta maldita escola vai ser má muito má" disse ameaçando-a
" larga-me" tentando-se se soltar
" eu ouvia o meu amigo" disse beto
" ok... Eu não digo nada, mas larga-me por favor"
Rodrigo largou-a e Carolyn começou a correr, apanhou a mala e correr novamente.
" achas que ela vai dizer alguma coisa mano?" Perguntou beto
" na esta miúda e beta demais ela percebeu o que eu quis dizer" 
" olha que a miúda ate não e má de todo" disse beto rindo-se
" olha que se eu não estivesse numa eu ate dava só uma volta com esta" rindo-se

Carolyn corria ate se encontrar com o irmão Bryan perto da cantina
" Bryan..." Disse chegando abeira do irmão sem folgo
" entao bee..estas bem não era preciso vires a correr. Tu não podes fazer esforços"
" eu estou bem...ah..vamos comer??" Disse Carolyn nervosa
" sim..não te importas mesmo de almoçar junto com os meus amigos?? Vais gostar deles" perguntou Bryan
"Claro que não eu quero e comer..vamos" disse Carolyn andando para trás

Passado algum tempo Rodrigo e beto entram na cantina.
Carolyn olha para eles especialmente para Rodrigo
Sentam-se perto da mesa de Carolyn.
Os dois rapazes começam brincar com a comida, Carolyn volta a olhar para eles.
Bryan repara e também olha para eles e de seguida para a Irma
" conhece-os?" pergunta
" o que?? Eu não não, porque?"
" estão tas a olhar para eles seria, são uns porcos, enfim"
Enquanto almoçavam, Carolyn parecia muito nervosa. E então quando olhou para a porta e viu o director da escola a abrir a porta da cantina, logo percebeu que já tinha visto o que aqueles dois rapazes fizeram.
 " alunos, tenho que fazer uma pergunta por isso para de almoçar e olhem para mim, por favor"
" estamos feitos a chavala vai dizer que fomos nos" Diz beto ao ouvido do amigo 
 " ouve" diz Rodrigo olhando para Carolyn
" ha já uns dias que tem me cego aos ouvidos que as paredes dos corredores aparecem pintadas e o pior e que são frases menos apropriadas, para esta escola e muito meemos para a vossa idade."
" por isso alguém quer-se entregar, aviso que será melhor se não a escola toda vai pagar" diz o director 
" e uma pouca vergonha, diz Bryan alto
" Bryan, menos.." Diz Carolyn a puxar o irmão para se sentar.
" muito bem todos os alunos vao lavar todas as casas de banho, salas, o que puder ser limpo nesta escola" diz director
" já sabem se quiserem entregar-se, vou estar na sala dos professores"
Diz o director saindo
" bem meu o que fomos fazer, agora temos de limpa, olha a chavala portou-se bem. Achas que ela acreditou mesmo que lhe fazíamos mal?" Disse beto
" nao sei bro, vamos embora" disse Rodrigo olhando para ela

A tarde passou e os ânimos na escola não estavam bons. Carolyn foi para o seu habitual lugar, no jardim.
E pensou nas palavras de Rodrigo ao ameaça-lá. Olhou para o lado e viu-o a chegar a sua beira
 " deixa-me eu vou-me embora" disse Carolyn tentando ir-se embora
" eu só queria dizer obrigada por não teres dito nada betinha"
" o meu nome e Carolyn  e porque que fizes-te aquilo. Não tas arrependido?" Pergunta Carolyn
" claro que não betinha aquilo e adrenalina.." Disse rindo-se
Carolyn riu-se ironicamente e virou costas
" betinha, fica longe de nos, não queremos ter trabalho contigo" disse Rodrigo agarrando-a pelo braço
" esta descansado" disse Carolyn tirando-lhe o mão. 
Carolyn saiu, Rodrigo ficou a olhar para ela. E também abandonou o local.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...