Little Things

E seus sonhos se realizassem, mas, nem tudo é perfeito. Essa é a Historia de duas melhors amigas que estão tentando realizar seus sonhos. Sera que tudo vai ser perfeito como elas pensaram que iria ser?

0Likes
1Comentários
400Views
AA

4. Acho que te amo.

1 semana depois-

Os meninos estão com um contrato e Fernanda também, Fernanda está na banda. Ela é a guitarrista, isso mesmo e a gente começa nossa tour daqui a seis meses é falta muito ainda. E eu ainda estou fingindo meu namoro com o Harry, e o Zayn esta se mordendo de raiva.

-Então Niall vai comigo comprar algo para a gente comer? -Perguntou Liam.

-Pode ser. –Disse Niall concordando.

-Nanda vem com a gente? –Perguntou Liam e Fernanda assentiu, assim só restou eu Harry e Zayn no meu apartamento já que Louis tinha saído com uma garota chamada Eleanor.

-Eu vou ali na locadora do prédio, tá pequena? –Disse Harry me dando um selinho e quando eu iria abrir a boca para dizer que eu iria ir junto ele fechou a porta, e eu estava sozinha com aquele infeliz. Levantei-me para ir até a cozinha pegar um copo d’água e quando eu fecho a geladeira Zayn me pega pelo braço e faz com que o copo de agua se esparrame pelo chão. Ele me encosta na parede, ficando centímetros de distancia do meu rosto. –Tá loco menino? –Eu disse tentando o empurrar, mas ele pegou meus dois pulsos e, pois para cima me deixando imóvel.

-Você tá tentando me enlouquecer né Andressa? Essa historia de namoro com o Harry não colou para mim. –Disse ele com ar desafiador.

-Você está insinuando que o meu namoro com Harry é falso? –Perguntei sínica.

-Insinuando não, eu tenho certeza. E olha que eu até fiquei com um pouco de ciúmes.

-Primeiro você diz que eu fiz de tudo para ganhar o TXF e ACABAR com o seu sonho e agora esta dizendo que sentiu ciúmes do meu namoro com o Harry? Faça-me o favor Zayn seja menos hipócrita. –Disse rude.

-Na verdade Andressa, eu sou louco por você. –Disse ele galanteador.

-Uma única palavra para oque você acabou de dizer... FODA-SE! –Gritei. –Eu sei que você está send... –Fui interrompida por seus lábios macios, sim Zayn estava me beijando e eu estava correspondendo. Ele largou meu pulso e eu botei minha mão direita em sua nuca, então comecei a tomar consciência do que eu estava fazendo e me desvencilhei do beijo. –Olha não adianta vir com essa de mocinho porque eu sei que você sente um ódio mortal por mim.

-SERA QUE DÁ PARA VOCÊ ACREDITAR EM MIM, EU AMO VOCÊ ANDRESSA! –Gritou Zayn. Enquanto eu fiquei parada sem ração. A única coisa que eu pude fazer foi sair correndo para dentro do meu quarto, deitei na minha cama e chorei bem mais do que eu tinha chorado no parque, não sei por que, acho que eu não queria admitir que eu correspondo o sentimento de Zayn, mas depois que eu e Harry começamos a fingir nosso namoro eu não posso negar que senti alguma coisa por ele, afinal eu não sou de ferro, e ele é gentil e educado comigo, mas dai eu começo a pensar que pode ser parte do plano. Enfiei minha cabeça no travesseiro e alguém entra no meu quarto e começa a passar a mão nos meus cabelos.

-Oque houve pequena? –Harry. Olhei para ele me sentei na cama e o abracei, ele entendeu e me abraçou de volta. –Quando você quiser falar, eu vou estar aqui tá? –Tá muito obrigado por me deixar mais confusa Harry, valeu.

-O Zayn me beijou e disse que me ama. –Eu falei depois de uns 5 minutos abraçados. – Só que eu sai correndo pra cá e comecei a chorar feito loca.

-Tá, espera ai, você saiu chorando porque ele disse que te ama? –Harry me olhou confuso.

-Eu acho que essa historia do nosso namoro falso já foi longe de mais Harry. –Eu disse mudando de assunto. –Acho que estamos chegando em uma parte que nem um de nós esta mais fingindo.

-Do que você tá falando Andressa?

-Que eu estou sentindo, vamos dizer, algo a mais por você. –Me deitei de novo na cama e me tapei até a cabeça. Vergonha. Única coisa que eu sentia agora, mas eu não vou falar que eu estava confusa sobre meu sentimentos, afinal eu sentia alguma coisa por Zayn, mas também sentia por Harry.

-Olha pequena, eu acho que nós dois começamos a sentir alguma coisa um pelo outro. –Disse ele sentando ao meu lado e destapando meu rosto. –Só que como tínhamos aquele plano de “namoro falso” começamos a gostar um do outro de verdade. –Disse Harry passando a mão nos meus cabelos. –Então, vamos namorar de verdade? –PU&*%# MERDA, e agora? Eu aceitava não aceitava, tinha medo de machucar ele, e me machucar também... Sentei-me na cama passei meus braços pela sua nuca e o beijei, oque mais eu poderia fazer, eu gostava dele ele gostava de mim, eu gostava do Zayn... Não, espera, essa parte eu tenho que esquecer.

-Ótimo, vamos ir ao parque? Eu chamo o Louis e a Eleanor, vamos? –Louis estava quase namorando Eleanor, Harry tinha apresentado eles em uma festa que teve na época do TXF e depois eles começaram a sair, que nem hoje.

-Eles estão namorando?–Perguntei me levantando e indo até meu guarda roupa e escolhendo uma roupa. Não Andressa escolhendo um carro, ri do meu xingamento.

-Aham, ontem Louis fez uma surpresa para ela e a pediu em namoro, acho que ele a ama de verdade. –Ele disse sorrindo. –Ela é bem legal, você vai ver.

-Tomara se não eu dou umas palmadas no Louis e o proíbo de namorar ela. –Eu disse falando como se fosse mãe do Louis. –Então fica me esperando ai que eu vou tomar um banho.

-Tudo bem. Te espero sentado aqui pequena. –Ele não sabia o quanto eu amava quando ele me chamava de pequena. Mandei um beijo no ar o abanei como uma miss universo, ele riu e eu fui para meu banho. Demorei uns 20 minutos lá dentro, sai e ele estava deitado vendo Tv.

-Então folgado, já ligou para o Louis? –Eu disse secando meu cabelo.

-Sim, ele disse que nos encontra lá, e disse para gente levar coisas para fazer um piquenique.

-Tudo bem então, o dia hoje esta bom para um piquenique mesmo, já esta pronto? –Perguntei para ele que estava sentado nos pés da cama.

-Não, vamos passar no meu apartamento, pode ser? –Ele disse se levantando.

-Claro.

Fomos de taxi até o apartamento de Harry, até que era tudo arrumado, para três meninos morarem ali estava perfeito, subi para o quarto de Harry que estava tomando banho.

-Você já escolheu sua roupa Curly? –Gritei.

-Não pequena, escolhe ai para mim. –Gritou ele de volta.

Abri seu guarda roupa e escolhi uma roupa que ele iria ficar mais lindo do que ele já era. Então Harry sai do banheiro com uma toalha enrolada em sua cintura.

-Eu deveria ter te entregado a roupa para você ter botado dentro do banheiro. –Eu disse já com as bochechas vermelhas. –Eu vou sair daqui para você se vestir.

-Ok amor. –Fiquei esperando ele na sala, e como eu já tinha desconfiado ele estava lindo, como sempre. –Você poderia ser estilista do Styles... Viu o trocadilho.

-Você já fez piadas melhores Harry. Então vamos? –Harry assentiu.

-Prazer eu sou Eleanor. Mas pode me chamar de Els. –Disse a menina muito bonita, é Harrold tinha toda razão, ela era muito legal e simpática.

-Eu sou Andressa. –Disse indo a abraçar.

-Mas pode a chamar de Dessa, eu que dei esse apelido lindo para ela. –Disse Louis orgulhoso.

-Mas você é um bobo mesmo né Louis, por favor, como que a Els aceitou namorar com você. –Eu perguntei rindo.

-Olha nem eu, mas... –Disse Harry se sentando no chão. –Estamos todos felizes e com fome, vamos comer.

-Niall? É você? Saia desse corpo que não te pertence. –Louis brincou. –Ta vamos comer... Eu trouxe refrigerantes e alguns salgadinhos e vocês?

-A gente trouxe um bolo de chocolate, compramos na padaria em frente ao prédio. –Eu disse.

-Ótimo eu amo chocolate. –Disse Eleanor. – Então, depois que a gente sair daqui nós poderíamos ir a um pub, oque acham?

-Pode ser né Harry? –Harry assentiu, ele nem conseguia falar de tão cheia que estava sua boca.

-Olha Harry, acho que você esta gravido... –Louis disse sério e eu e Els caímos na risada. –Meninas eu estou falando sério, Andressa é o pai. -Todos nós gargalhamos.

Eram umas 5h da tarde quando deixamos o parque, fomos ao meu apartamento, e lá pelas 7h iriamos ao tal pub, decidimos convidar o resto dos meninos.

-Então todos vão ir? –Perguntei a Louis.

-Sim senhorita, todos vão.

-Els você quer que eu te empreste uma roupa? Assim você não precisa ir até seu apartamento. –Perguntei.

-A Dessa, acho que eu aceito. –Disse ela sorrindo.

-Então vamos lá para cima, te ajudo a escolher.

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...