As Long As You Love Me

Rafaela é uma menina bem divertida que acaba de passar por um dos momentos mais difíceis de sua vida. Isso leva ela a morar com os avós em Holmes Chapel. Ela estava convencida de que sua vida lá seria uma droga até que ela conhece umas certas pessoas que viram tudo de cabeça pra baixo. Será que eles vão conseguir fazer ela mudar de ideia? Será que ela consiguira sobrevir a todas essas emoções vindo de uma vez só? (Ta a sinopse não ta tão boa porque eu não sei escrever sinopse, mas a história não ta tão ruim kkkk)

0Likes
0Comentários
2619Views
AA

2. Here We Go Again

 

_Ei, acorda menina!! Já chegamos!!! Ouvi o Gui falar enquanto me balançava de um lado para o outro.

_Cara, mais delicadeza é pedir de mais? Eu falei tirando o sinto.

_Bom, não é um dos serviços que eu ofereço mas.... Ele falou se levantando.

Irmão mais chato que esse? Impossível. Me levantei e esperei as pessoas passarem para sair do avião.

 

YYY

 

Aleluia! Não aguentava mais, fiquei uma hora ou mais tentando descobrir o que fazer e aonde ir pra fazer todas aquelas chatices de aeroporto. Pior ainda é que a única pessoa que eu tinha pra me ajudar era o Guilherme, um inútil, que pela esperteza deve ter aprendido a amarrar o sapato ontem. Ri comigo mesma das coisas que eu pensava do pobrezinho, se ele soubesse acho que me matava. Bom mas o bom é que acabou, e agora agente ta num táxi, indo pra casa do vô e da vó, que saudades que eu tava deles acho que fazia uns dois anos que agente não se via.

 

Fiquei tanto tempo pensando nos meus avós que nem percebi que tínhamos chegado. Quando vi já estava na porta da casa deles, ficava em Holmes Chapel, que na minha opinião era a cidadezinha mais linda não só de Londres mas do mundo! Fiz o Gui levar todas as minhas malas óbvio, com a preguiça que eu tenho já viu né. Fiquei encarando a porta por um tempo, não sei por que não conseguia me mexer, acho que tava nervosa.

_Antinha, a porta não vai abri sozinha! O Gui falou meio que cantando.

Eu ri e bati na porta, ainda nervosa. Depois de uns 2 minutos ouço a porta abrindo!

_Vovô!!! Eu gritei pulando encima dele, é eu não tenho noção do meu tamanha, e nem da idade dele.

_Xuxu!! Ele disse me pegando no colo. _Que saudades!!!

_Sim, faz quanto tempo que agente não se vê? Eu falei agora já no chão.

_Não sei né pequena, uns bons séculos! Ele falou rindo.

Ai ai meu vô é uma comédia. Fiquei vendo ele cumprimentar meu irmão com muitos abraços para poder perguntar da vovó.

_E a nona? Onde ela ta? Eu perguntei. (Nona era como eu chamava minha vó e ela me chamava de piccolina, que eu acho que é pequena em italiano.)

_Sim sim a nona está na cozinha.

Nem terminei de ouvir ele falar eu fui correndo pra cozinha.

_Nona!!!! Eu gritei quando cheguei lá e vi ela cozinhando alguma coisa.

_Piccolina!! Ela gritou ainda mais alto vindo me abraçar.

Ela tinha uns 80 anos mas parecia ter 30 com a disposição que ela tinha. Nós duas ficamos nos abraçando e botando a conversa em dia, falei de como ia sentir falta do Digo, de como minha ultima tentativa de romance foi mais que um fracasso, falei de tudo. Eu contava tudo pra minha vó e ela só entendia, nunca me julgava, como eu amava ela. Bom mas depois de conversar com ela fui pro meu quarto que por acaso tava lindo (http://weheartit.com/entry/35536320), acho que pediram pra reformar já que eu tava vindo, e fui dormir estava exausta da viagem e pra minha tristeza amanhã já tinha aula! Ia ter que começar do zero, sem conhecer ninguém, bom sem ser o mongolão do meu irmão, que eu não tenho certeza se quero que saibam que eu sou irmã dele. (sim sou muito má kkkkk) Mas o lado bom é que não vou precisar usar uniforme!!!

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...