As Long As You Love Me

Rafaela é uma menina bem divertida que acaba de passar por um dos momentos mais difíceis de sua vida. Isso leva ela a morar com os avós em Holmes Chapel. Ela estava convencida de que sua vida lá seria uma droga até que ela conhece umas certas pessoas que viram tudo de cabeça pra baixo. Será que eles vão conseguir fazer ela mudar de ideia? Será que ela consiguira sobrevir a todas essas emoções vindo de uma vez só? (Ta a sinopse não ta tão boa porque eu não sei escrever sinopse, mas a história não ta tão ruim kkkk)

0Likes
0Comentários
2586Views
AA

1. Start Of Something New

 

Então era isso, essa seria a última vez que eu abraçaria meu melhor amigo, Digo. Sinceramente só sendo a melhor amiga do mundo pra pensar nele com tanta coisa terrível acontecendo na minha vida agora.

_Vo sentir sua falta Rafinha! Ele falou me abraçando.

_Também vou Diguinho!!

_Se cuida lá pequena! E vê se me liga todos os dias! E vem visita!

_Vo me cuida, eu tenho 16 e não 10! Ah e quem vai visitar é você viu? Falei ainda no abraço.

_Tabom, tabom, já sabia que eu ia acabar tendo que fazer o esforço, isso que da ter uma melhor amiga preguiçosa! Ele falou entra risos.

Não sei como ia sobreviver sem ele, sem essas risadas, sem seu abraço! Bom, mas agora tenho muito mais pra fazer do que ficar chorando pelo leite derramado. (é eu gosto de usar essas expressões ridículas! kkkk)

_Então é isso tchutchuco, eu falei olhando ele nos olhos.

_Acho que é né, ele falou me passando meu passaporte. Pois é ele não confiava em mim pra levar meus documentos.

Ficamos nos olhando sem dizer nada por um tempo.

_Ta, ta deu de melação ai né! Só podia ser meu irmão me enchendo de novo.

Guilherme, meu irmão mais velho ta sempre me enchendo principalmente quando envolvia o Digo daí ninguém segurava aquela criatura. Senti as mãos do Gui me empurrando para longe do Digo.

_Falo cara, até mais! Ele falou apertando a mão do Digo.

_Tchau! Cuida bem dela viu? O Digo falo dando um abraço rápido no Gui, eles tavam sempre se implicando mas tenho certeza que eles se gostavam lá no fundo.

_Vamo pirralha! Ta na hora, O Gui disse botando seu braço no meu ombro.

Então era isso, hora de dar tchau pra Porto Alegre e dar uma chance á Londres. Sim sempre foi um sonho morar lá mas não esperava que fosse pelas razões que estou indo, e não pensei que iria ficar tão triste em deixar o Brasil.

_Vai lá senta que eu faço o check-in e tal, O Gui disse interrompendo meus pensamentos.

Só assenti com a cabeça e fui me sentar. Fiquei um tempo só me olhando no reflexo dos vidros do aeroporto, meus longos cabelos castanhos e cacheados estavam soltos deixando minhas mechas cor de mel bem visíveis. Conseguia ver meus olhos verdes se enchendo de lágrimas.Não podia acreditar no quanto minha vida tinha mudado em apenas uma semana. Meus pais morreram em um acidente de avião, bom na minha cabeça não tinha acontecido, não queria aceitar, a ficha não tinha caído ainda e nem sei se algum dia iria cair. Eu era tão próxima dos meu pais, mesmo eles estando sempre viajando tínhamos uma ligação muito forte. Mas é melhor eu nem pensar nisso por que se eu me conheço bem, daqui a pouco estaria nadando em um riu de lágrimas só de lembrar dos meu pais. E também o importante agora é me concentrar na minha vida nova, era hoje que eu iria morar com meus avós em Londres e deixar tudo pra traz, meus amigos, o Digo, minha escola bom resumindo minha vida inteira, e iria começar tudo de novo. Não poderia ser tão ruim assim poderia?

Join MovellasFind out what all the buzz is about. Join now to start sharing your creativity and passion
Loading ...